Designer iraquiana desenvolve segunda pele que se adapta ao corpo humano

Uma das principais peças de roupas para montanhistas enfrentar o frio, é a segunda pele (também conhecida como camada base ou primeira camada). A técnica de usar três camadas (primeira camada ou segunda pele + camada intermediária + camada externa) é um conhecimento quase obrigatório a todo montanhista.

Uma das peças que mais vem sofrendo modificações em termos de material e cortes anatômicos é a segunda pele. Desenhos mais atraentes e inovações nos materiais são as principais mudanças. Mas o renomado escritório de design Zaha Hadid Design em um trabalho em conjunto com a marca esportiva suíça Odlo, procuraram inovar na primeira camada de alto desempenho.

Os moldes para as peças foram feitos a partir de mapeamento orgânico do corpo, além de utilizar uma tecnologia sem a utilização de costuras.

Batizada de “futureskin”, consegue combinar mapeamento corporal orgânico com inovações de materiais para que o usuário consiga controlar a temperatura do corpo e, mesmo assim, permita liberdade de movimentos para todas as atividades esportivas. A peça de roupa funde partes de diferentes sensibilidades de temperatura, necessidades de ventilação e intensidades de movimento utilizando uma malha sem costura ou interseções.

Uma das grandes propriedades é que o tecido, além de se adaptar ao corpo do usuário, combate a formação de odores e mesmo assim consegue excelente isolamento termal nos principais músculos do corpo enquanto a temperatura exterior estiver caindo.

O tecido tem uma formação de 73% poliéster, 20% poliamida e 7% elastano. O futuresking já está disponível para consumidores da Europa e EUA.

Mais informações: https://www.odlo.com

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.