Livro da semana: “O Ego é seu Inimigo” – Ryan Holiday

Uma palavra que é equivocadamente empregada dentro do universo do montanhismo é “ego”. Muitos se referem a ela como sendo sinônimo de vaidade ou soberba. A verdade, como acontece com muitos termos filosóficos, engloba muito mais do que somente designar uma atitude. Para quem tem curiosidade de saber, ego, do ponto de vista filosófico, significa o “eu de cada um”, ou seja, o que caracteriza a personalidade de cada indivíduo.

Já pela psicanálise (que divide o modelo psíquico do indivíduo por ego, superego e Id), o ego é considerado o “defensor da personalidade”, sendo responsável por impedir que os conteúdos inconscientes (reservatório de sentimentos, pensamentos, impulsos, e memórias que está fora da nossa consciência) passem para o campo da consciência, acionando assim os seus mecanismos de defesa.

Foto: https://findingmastery.net

Constantemente é comum ver escaladores e montanhistas equivocadamente referir-se a ego como um comportamento que na verdade nada mais é do que vaidade, que é a preocupação excessiva em suas próprias habilidades ou atratividade para os outros. Pessoas vaidosas se gabam o tempo inteiro, possuem um desejo de chamar atenção e de exaltar as próprias qualidades, desejando sempre ser reconhecido e valorizado, que vive repetindo que fez isso e aquilo e que demonstra incomodo quando alguém se destaca mais que ele.

Faz parte também da psique de escaladores e montanhistas a soberba, também conhecido como orgulho, que é o sentimento caracterizado pela pretensão de superioridade sobre as demais pessoas. Pessoas assoberbadas possuem manifestações ostensivas de arrogância, por vezes sem fundamento algum em fatos ou variáveis reais. Para comprovar vários exemplos de soberba e vaidade, basta observar o comportamento que praticantes de escalada e montanhismo praticam em redes sociais.

Portanto, sabendo conseguir controlar tanto o ego, que desenvolve a partir da interação do ser humano com a realidade, é um ponto-chave para conseguir sobreviver como atleta, seja amador ou profissional, nos dias de hoje. “O Ego é seu Inimigo”, do autor Ryan Holiday é exatamente a ajuda que estas pessoas necessitam. O livro coloca adiante o argumento de que, frequentemente, nossos maiores problemas não são causados por fatores externos, como outras pessoas ou circunstâncias. Em vez disso, nossos problemas derivam de nossa própria atitude, egoísmo e auto-absorção. Em outras palavras, introduzir o ego em uma situação muitas vezes nos impede de ser racional, objetivo e claro.

A obra, entretanto, não discute o ego ou egoísmo de Freud como um termo clínico, mas em um sentido coloquial, definido como “uma crença doentia em sua própria importância”. O livro também discute a diferença entre ego e confiança, e argumenta que a solução para o problema do ego é humildade, autoconsciência, propósito e realismo.

O Ego é seu Inimigo” fornece como ferramenta para o aprendizado do leitor contos de advertência e anedotas positivas sobre ego, citando numerosas figuras históricas e contemporâneas, incluindo Christopher McCandless, George Marshall, John DeLorean, Larry Page, Paul Graham e Steve Jobs.

Pela qualidade do texto, que pode ser aplicado nos esportes, práticas de montanhismo e área de negócios, alcançou as listas bestseller nos jornais norte-americanos USA Today, Chicago Tribune e Publishers Weekly.

Ficha Técnica

  • Título: O Ego é seu Inimigo (Ego Is the Enemy)
  • Autor: Ryan Holiday
  • Edição:
  • Ano: 2017 (versão original norte-americana 2016)
  • Número de páginas: 272
  • Editora: Editora Intrínseca (Portfolio publishing)

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.