Ômega 3 – Benefícos e malefícios do suplemento alimentar chave para atletas e esportistas

Se você já andou caminhando por algum corredor de supermercado, já deve ter reparado que há uma infinidade de alimentos anunciando que são enriquecidos com Ômega-3. Até mesmo ração para cães e gatos possuem este tipo de elemento adicionado.

Com tantos pontos positivos para ele, que pode ser encontrado em forma de suplemento alimentar mas também em alguns alimentos, é fundamental saber o que esperar dele quando consumi-lo. Isso porque a diferença entre uma conquista pessoal no esporte que pratica pode estar na alimentação e não somente no treino que realiza o atleta.

Onde encontrar

Os ácidos graxos Ômega-3, ou simplesmente Ômega-3, quando ingeridos auxiliam na diminuição dos níveis de triglicerídeos e colesterol ruim, e pode favorecer o aumento do colesterol bom. O Ômega-3 possui papel importante em alergias e processos inflamatórios.

Entretanto é necessário estar atento ao detalhe de que existe o “bom” Ômega-3, que são ácidos graxos de cadeia longa e “mau” (ou menos adequado) que são os ácidos graxos de cadeia curta.

omega3_5

O “bom” Ômega-3 ( ácidos graxos de cadeia longa) é encontrado nos peixes de águas profundas como, por exemplo o salmão.  O Ômega-3, considerado menos adequado, e que traz poucos benefícios para a saúde, são encontrados em óleos de soja, girassol e milho.

Porém não somente o salmão existe grande concentração de Ômega-3, apesar de ser o mais conhecido. Há vários peixes que também possuem alta concentração deste elemento:

  • Arenque – De 1,2  a 3,1 gramas a cada porção de 100 gramas
  • Atum – De 0,5 a 1,6 gramas a cada porção de 100 gramas
  • Cavala – De 1,8 a 5,1 gramas a cada porção de 100 gramas
  • Salmão – De 1 e 1,4 gramas a cada porção de 100 gramas
  • Sardinha – De 1,5 e 2,5 gramas a cada porção de 100 gramas

Repare que a concentração no Salmão é a que possui uma variação muito pequena e por isso é uma fonte mais confiável de concentração de Ômega-3.

Para quem é vegetariano há a opção de consumir o suplemento em forma de pílulas gelatinosas.

Além destes peixes citados acima as algas marinhas, sementes de linhaça, chia e nozes são as melhores fontes vegetais de Ômega 3.

Benefícios do Ômega-3

omega3_3

Que o Ômega-3 é essencial para atletas e esportistas é algo conhecido e alardeado por vários nutricionistas. A lista  de benefícios é extensa e, entre muitos outros, que beneficia atletas estão :

  • Melhora na recuperação e rendimento
  • Redução da dor muscular
  • Diminui os níveis de fadiga muscular durante e após o treino
  • Aumenta a síntese proteica
  • Promove nos músculos um maior fluxo sanguíneo
  • Auxilia na prevenção de alterações cardíacas a médio e longo prazo
  • Auxilia na perda de peso e diminuição da camada de gordura

Problemas de superdosagem de Ômega-3

omega3_2

Apesar dos benefícios do Ômega-3, não seve ser consumindo indiscriminadamente, nem sem acompanhamento nutricional. O consumo excessivo pode causar prejuízos ao organismo como :

  • Dificuldade na coagulação sanguínea
  • Desconfortos gastrointestinais

Porém ainda não existe um consenso que determine qual a dosagem exata que se deve consumir de Ômega-3 a um atleta diariamente.

Por este detalhe é que torna indispensável a consulta a um nutricionista para que ele avalie os hábitos alimentares de cada esportista para prescrever de maneira correta de consumo além da dosagem necessária.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.