Indústria outdoor norte-americana externa preocupação com guerra comercial entre China e Estados Unidos

A indústria de esportes outdoor norte-americana é uma das grandes forças econômicas dos EUA. Ao todo a indústria de esportes outdoor já contribui com US$ 412 bilhões, que é o equivalente a 2,2% do PIB. O relatório do órgão governamental Bureau of Economic Analysis (BEA) foi para o período de 2012/2018. Este valor marca a primeira vez que economistas do governo dos EUA avaliam o papel de atividades a ar livre ao lado de outras indústrias chave do país, as quais contribuem para o PIB. Os dados confirmam que a indústria outdoor norte-americana é maior que a agricultura (que representava 1% da economia em 2016) e mineração (que representava 1,4% em 2016). A Outdoor Industry Association (OIA) do país comemorou o resultado quando foi publicado o relatório.

Consequentemente, o volume de produtos de marcas norte-americanas que são vendidos em todo o mundo, particularmente na América do Sul, também é gigantesco. No Brasil, por exemplo, atuam várias marcas norte-americanas. Portanto, é inegável a importância destas empresas para a prática do esporte como um todo. Quando há um aumento de preços em qualquer um dos produtos das marcas norte-americanas, será repassado aos clientes. Tanto os clientes norte-americanos, quanto os sul-americanos.

Foto: http://www.stealingshare.com/

Como muitos devem estar acompanhando, os EUA impuseram na última sexta-feira 10 de maio, uma elevação nas tarifas de produtos importados chineses em um montante de quase US$ 200 bilhões. A medida que esfria ainda mais as negociações com Pequim para conter a guerra comercial entre as duas maiores economias do mundo. O presidente norte-americano Donald Trump alegou querer proteger a indústria local do país e frear o volume de importações da China. União Europeia e o Nafta (formado por Canadá, México e tendo o Chile como associado) chegaram a criticar as medidas de Trump.

No dia de ontem o Ministério das Finanças da China anunciou que também irá elevar tarifas sobre produtos norte-americanos a partir de 1º de junho. A partir disso começou uma tensão no mercado financeiro e, consequentemente, para várias indústrias que importam produtos da China e os comercializa também. Uma destas indústrias que utiliza estes produtos, é justamente a indústria outdoor. A decretação de um imposto de 25% sobre bicicletas, capacetes, luvas e mochilas pode afetar a indústria e sua carteira de clientes. É neste aspecto que todo o crescimento financeiro da indústria outdoor pode ficar comprometido.

Além disso, uma particularidade também chama a atenção da indústria outdoor. Na prática, equipamentos baratos comprados direto ao consumidor da China, por meio de sites como Amazon ou Alibaba, escaparão da tarifa de 25%. Efetivamente, isso pode afastar os clientes dos equipamentos mais caros fabricados nos Estados Unidos.

Como explicado anteriormente, a ideia de Donald Trump é incentivar a produção industrial em solo americano. Porém a realidade não é bem assim. Mídias especializadas em analisar segmentos do mercado nos EUA pesquisaram junto a fabricantes se as tarifas seriam suficientemente incentivadoras para trazer a produção de volta aos EUA e a maioria das empresas afirmou que não. Os custos de começar uma fábrica, com espaço físico, maquinário (que também teria de ser importado) e pessoal especializado, tornariam inviável a curto e médio prazo a produção.

Associação norte-americana da Indústria Outdoor estimou que uma nova tarifa de 25% afetará a produção de roupas e calçados técnicos. Os itens da lista de produtos, a qual possui 195 páginas, incluem equipamentos de esqui, bicicleta e camping importados da China e que estariam sujeitos a uma sobretaxa de 10% a 25%. Um grupo de executivos da indústria outdoor planeja ir a Washington para defender seu caso perante representantes do Congresso no final deste mês.

Por enquanto, as indústrias que mais sofreriam impacto com as novas tarifas é a de bicicletas (institutos estimam que 94% das bicicletas completas nos EUA vêm da China) e de esportes de inverno. Empresas já anunciaram a seus clientes que o custo não será passado aos produtos.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.