Crítica do filme “The Sensei”

critica_the_senseiFaz parte de todo ser humano o processo de amadurecimento.

Aquele que não amadurece, e evolui, acaba por “ficar no caminho” por conta das constantes mudanças da vida.

Para o bem, ou para o mal, este processo acontece com todos e não está restrito a nenhum tipo de pessoa.

Obviamente existem algumas que amadurecem de mais e outros de menos, entretanto é um tema a discutir em outra ocasião.

O filme “The Sensei” documenta a viagem do escalador Daniel Woods ao Japão para escalar junto a Yuji Hirayama por locais de escalada de seu país.hirayama

Hirayama é um dos maiores escaladores do Japão, e figura como um dos mais icônicos da história mundial, sendo motivo de orgulho para toda a comunidade nipônica.

Durante a exibição da produção são mostrados vários lugares populares do Japão e ao mesmo sua paisagem característica.

A partir de definido os desafios que a dupla deseja vencer, “The Sensei” consegue reproduzir o enredo de vários filmes japoneses de samurai com discípulo aprendendo com sábio sensei.

the_sensei_2O ritmo “The Sensei” também é mais lento que as outras produções da Sender Films, e que tem boa harmonia com a temática do filme.

Pontos de humor com tom irônico também são explorados como a inexperiência de Woods perante à situações de alta montanha.

São abordados som sobriedade o relato de Yuji sobre o terremoto que devastou o Japão recentemente.

the_sensei_10O filme escancara a maturidade da produtora Sender Films tanto no desenvolvimento do roteiro, quanto na direção.

Também é latente o amadurecimento de Daniel Woods, consagrado escalador de competições e adepto do estilo de boulder , agora tentando outros desafios.

Como pano de fundo estão os pensamentos de Hirayama e seu estilo elegante de escalar.

“The Sensei” é um filme interessante e sensível ao mesmo tempo sendo um dos poucos filmes de escalada que aborda o assunto de envelhecimento de escaladores, passagem do tempo e amadurecimento das pessoas.

Trata de maneira singular o processo de amadurecimento de escaladores e da escalada, tentando ao menos fazer muitas pessoas meditar sobre o futuro que os espera.

“The Sensei” é, portanto, um filme sobre sabedoria e sapiência, e que tem a escalada como metáfora.

Nota do Blog de Escalada:

the_sensei

the_sensei_1

Blog_descas

Formado em Engenharia Civil e Ciências da Computação, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha, Argentina e Chile. Foi jurado do Rio Mountain Festival e já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Chile, Espanha, Uruguai, Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá. Realizou o Caminho de Santiago, percorrendo seus 777 km em 28 dias.

There are 3 comments

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.