Quais são os equipamentos de proteções móveis para escalada?

Se você é daqueles que tem o costume de chamar os outros de “man” em vez de “cara”(ou “véi”, “Fíi”, “broder”,”cabra”, “mano”, e etc), provavelmente pode confundir-se quando algum escalador disser “friend” e não estar se referindo a um amigo.

Se para você excêntrico é alguém de ideias e costumes estranhos, muito provavelmente ficará espantado quando souber que também é um equipamento de escalada (na verdade escreve-se Hexêntrico, do inglês hexentric)

Foto : Divulgação Black Diamond

Foto : Divulgação Black Diamond

A escalada com proteções móveis possui seus equipamentos e linguajar próprios, assim como suas técnicas diferenciadas.

Se você acredita que somente lendo este artigo irá estar apto a escalar com proteção móvel, pode parar a leitura por aqui.

Para se aventurar nesta modalidade é necessário um curso com profissional gabaritado e experiente, além de ter gastar horas e horas de prática.

Nestes cursos aprenderá o que são proteções ativas e passivas, o que não será abordado neste artigo.
Abaixo serão apenas explanados os equipamentos de escalada com proteções móveis, sem aprofundamento do tema (que é a obrigação de um professor de escalada)

Nuts

Foto : outdoorplay.com

Foto : outdoorplay.com

Os “nuts” também são conhecidos como “chocks” (na Inglaterra).

O equipamento em poucas palavras Consiste em um pequeno cabo de aço em forma de looping com uma “cabeça” de material metálico em sua ponta.

Os metais utilizados na “cabeça” são : ligas de latão e bronze (conhecido como metais amarelos), Zicral (material dos mosquetões) e aço (os mais resistentes).

O formato da cabeça lembra uma peça trapezoidal, sendo uma das duas faces é reta, e a outra em forma de uma curva logarítmica suave.

A cabeça é comercializada em diversas dimensões e é muito utilizada em pequenas fendas e fissuras.

Foto : urbanrock.com

Foto : urbanrock.com

São excelentes entaladores, porém necessitam de uma peça “saca nut” para a sua retirada.

O tamanho da cabeça é comercializada em tamanhos de 6.9/12.4 mm (tamanho 4) até 26.4/35.1mm (tamanho 13).

Algumas marcas comercializam “nuts” menores do que os citados, e são chamados de “micro nuts”.

A resistência em caso de quedas é variável e depende do tamanho da peça.

  • 6 kN (tamanhos 4/5)
  • 10 kN (tamanhos 6/12)

Os principais fabricantes são : Black Diamond, Wild Country, Omega Pacific, Metolius e ABC Huevo

Hexentricos

Foto : Divulgação Black Diamond

Foto : Divulgação Black Diamond

São peças de metal que se assemelham ao formato hexagonal (de onde vem a derivação de seu nome) de um parafuso, porém possui cada face de um tamanho diferente.

Também são peças de entalamento, e são chamadas por alguns escaladores de “peças de torque”, isso porque a sua colocação deve ser levada em conta o giro da peça no momento de queda do escalador.

É fabricado com a mesma liga metálica dos nuts (zicral).

É comercializado em tamanhos que variam desde 11.4/19mm (tamanho 1) até 65/89.2mm (tamanho 11)

Os tamanhos das peças podem ter pequenas variações de dimensões de um fabricante a outro.

Sua resistência também varia de acordo com o tamanho

  • 6 KN (tamanho 1 a 3)
  • 10 kN (tamanho 4 a 11)

Principal fabricante : Black Diamond

Tricam

Consiste em uma peça metálica com um “bico” oposto a uma curva. Também são equipamentos que funcionam à base do torque.

Foto : Divulgação CAMP

Foto : Divulgação CAMP

O Tricam não possui molas e seu formato diferenciado faz com que que a “cabeça” se encaixe sobre a fenda .

Seu tamanho varia desde 10/15 mm até 92/140 mm.

Sua resistência também varia muito e vai desde 3kn até 22kn.

Para saber a resistência de cada peça é necessário consultar o catálogo do fabricante, pois não necessariamente cresce à medida do tamanho da peça.

Principal fabricante : CAMP

Friends / Camalots

Foto : Divulgação Omega Pacific

Foto : Divulgação Omega Pacific

Apesar de se assemelharem à primeira vista friends e camalots são diferentes em sua forma de uso.

Entretanto filosoficamente falando possuem a mesma ideia.

Em linhas gerais são pequenas placas metálicas com aresta curva que se ajustam expandindo-se.

Por sua versatilidade, e imagem enigmática a quem não conhece o equipamento, é considerado símbolo do escalador de estilo móvel.

Escaladores mais experientes recomendam a aquisição de um conjunto de friends primeiramente, e posteriormente a de Camalots.

Foto : Divulgação Black Diamond

Foto : Divulgação Black Diamond

Existem dois grupos : considerados rígidos e flexíveis.

Cabe ao escalador saber se informar com seu instrutor quais são os tipos de grupo mais indicados à escalada que pretende realizar.

Seu tamanho varia desde 13.8/23.4mm até mesmo 114.1/195mm.

Sua resistência vai desde 8kN até mesmo 14kn (variando de acordo com o tamanho)

Principais fabricantes : Omega Pacific e Black Diamond.

Sobre o Autor

Luciano Fernandes

Luciano Fernandes

Engenheiro e Analista de Sistemas, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha e Argentina. É totalmente dedicado ao esporte de escalada em rocha e é apaixonado em filmes Outdoor. Para aproveitar melhor esta paixão fez curso de documentário na Escola São Paulo, além dos cursos de “Linguagem Cinematográfica” e “Crítica de cinema”. Foi jurado do Rio Mountain Festival. Já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Espanha, Uruguai e Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.