Avaliação da Jaqueta Legat – Hi-Tec

JaquetaHiTec5

A jaqueta de 3 camadas Legat da marca Hi-Tec tem como objetivo oferecer praticidade, conforto, proteção da chuva e vento, e excelente aquecimento.

Segundo o seu fabricante as principais características da jaqueta está na versatilidade de possuir três peças distintas que podem ser montadas de acordo com as necessidades do usuário.

O teste

A Jaqueta Legat  foi testada em variadas situações que pudessem englobar todas as situações possíveis de uso.JaquetaHiTec8

Foi utilizada em um trekking de baixa dificuldade, com chuva fraca a garoa em Lagoa Santa – MG, durante uma aproximação de local de escalada.

O equipamento foi utilizado ainda em caminhadas em parques com frio moderado (em torno de 12ºC e garoa fina), junto a vento fraco.

Foi utilizado ainda em um passeio recreativo na Serra da Mantiqueira com frio moderado (em torno de 10ºC) e tempo seco.

A jaqueta não foi testada em ambientes urbanos por não fazer sentido este tipo de testa, visto que o produto é voltado para situações de frio e chuva na natureza.

A jaqueta foi transportada sempre em mochilas de trekking junto a equipamentos como saco de dormir, utensílios de cozinha de camping e outras roupas.

Não foi lavada em máquinas de lavar, somente com panos úmidos para não danificar o material da jaqueta.

Prós

  • Performance de aquecimento
  • Proteção da chuva
  • Versatilidade

Contras

  • Respirabilidade / evaporação do suor
  • Volume
  • Disponibilidade de cores

Notas

  • Qualidade de Material: 3,5  
  • Acabamento: 3,5 
  • Design: 3,0  
  • Ergonomia: 3,5  
  • Facilidade de Limpeza: 4,5  
  • Relação Peso x volume: 3,0  
  • Relação custo x benefício: 4,0 
  • Nota Final: 3,57   

 

JaquetaHiTec6

Opinião

A Jaqueta Legat  de 3 camadas da marca Hi-Tec teve boa performance durante os testes, e agradou bastante, sobretudo por sua versatilidade de camadas e possibilidades de uso.

Durante ventos moderados teve rendimento impecável, oferecendo boa proteção além de conforto térmico satisfatório.

Para as chuvas provou ter excelente vedação mesmo possuindo detalhes em velcro.JaquetaHiTec9

Um ponto que poderia ser estudado melhor pelo fabricante é a evaporação do suor, que se mostrou não tão eficiente quando a temperatura externa sobe ao mesmo tempo que o corpo realiza atividades físicas.

A sensação de sufocamento e superaquecimento, junto com o “empapamento” nestas condições merece observação.

Um outro ponto a melhorar na jaqueta é a questão do volume ao usar as três camadas juntas, limitando alguns movimentos dos braços e diminuindo a agilidade de movimentação. Volume este que também ocupa na mochila, e servindo de observação para quem possui o costume de carregar mais que o necessário na mochila.

Para aquecimento do usuário teve rendimento impecável, com um fleece de boa performance e excelente qualidade de material, e o processo de se “montar” todas as camadas é simples e intuitivo.

Em um clima oscilante como acontece no Brasil em várias regiões, a Jaqueta Legat se mostrou muito prática, possibilitando várias alternativas de uso.

Para uso em situações com frio mais intenso (até 0º) a jaqueta seguramente é uma boa opção, sendo excelente opção para quem planeja ir à Patagônia.

JaquetaHiTec4

JaquetaHiTec2

JaquetaHiTec7

JaquetaHiTec3

JaquetaHiTec1

.

Formado em Engenharia Civil e Ciências da Computação, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha, Argentina e Chile. Foi jurado do Rio Mountain Festival e já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Chile, Espanha, Uruguai, Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá. Realizou o Caminho de Santiago, percorrendo seus 777 km em 28 dias.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.