Livro da Semana : “The Everest Politics Show” – Mark Horrell

Por vivermos em um país o qual constantemente é noticiado grandes escândalos de corrupção acabamos por odiar conversas políticas. A política, para o bem ou para o mal, faz parte de nossas vidas. O termo que designa as relações de regularidade e concordância dos fatos com os motivos que inspiram as lutas em torno do poder entre pessoas, instituições, estado e nações.

Por envolver muitos aspectos, além de investimentos monetários das agências de turismo, uma visita ao Everest está no meio de um intricado jogo político.

Não é segredo para ninguém que a montanha mais alta do mundo tornou-se uma gigantesca oportunidade para pseudo-montanhistas criarem fama e alavancar sua vida de personalidades. Esta fábrica de ídolos de plástico é também alvo de veículos interessados em divulgar fatos noticiosos e sequer identificam-se com o montanhismo.

Todo este circo, recheado de denúncias que parecem alimentar ainda mais o espetáculo bufo que é a escalada no Everest, chamou a atenção de Mark Horrell quando tentava escalar o Lhotse em 2014.

A atenção que a mídia tradicional (jornais, revistas e outros meios em vias de extinção) em demasiado fatos artificiais foi o principal foco do escritor. Quando o protesto dos Sherpas para melhores condições de trabalho eclodiu, Horrel viu uma oportunidade de escrever sobre o assunto e jogar uma luz sobre toda a problemática da região.

Por ser um experiente montanhista, o qual também possui um blog de credibilidade e alcance admirável, o autor não pouca dados nem mostra sentir-se intimidado em apontar erros e culpados. Assim como muitas pessoas se admiram com as revelações da Operação Lava-Jato, quem tiver a oportunidade de ler “The Everest Politics Show: Sorrow and strife on the world’s highest mountain”.

Algumas das descrições no livro fazem várias agências de turismo de montanha no Everest, assim como personalidades que apresentam programas de sobrevivência na TV a cabo, sentirem vergonha de si mesmos.

Fosse possível resumir os relatos apurados por Mark Horrel, o título do filme de  Al Gore “uma verdade inconveniente” seria o mais apropriado. Mesmo não sendo um livro técnico de montanhismo, é uma leitura obrigatória para todos.

A obra também serve de cartilha didática a pessoas que possuem diploma de jornalismo, mas que na prática atuam como tietes de personalidades e prestando serviço de publicidade.

Ficha Técnica

  • Título : The Everest Politics Show: Sorrow and strife on the world’s highest mountain
  • Autor : Mark Horrell
  • Edição : 1ª
  • Ano : 2016
  • Número de páginas : 174 
  • Editora : Mountain Footsteps Press

Sobre o Autor

Da Redação

Da Redação

Equipe da redação

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.