Pacific Crest Trail: Os vulcões do estado de Washington

Na última semana, estivemos no PCT Days, reunidos com toda a galera que começou a fazer a trilha conosco para aproveitarmos o festival.

Passado o fim de semana, voltei para o trajeto, já no estado de Washington, mas dessa vez sozinho.

Foto: Andre Fuão

Diferente das outras partes que enfrentei, a trilha em Washington tinha muitas subidas e descidas por todo o caminho, devido ao terreno montanhoso do Estado.

Assim, mal subia uma montanha e já tinha que descer ela por inteiro.

Foto: Andre Fuão

Um dos momentos inesquecíveis desta parte da trilha foi passar a noite em um dos melhores acampamentos da viagem e acordar com dois, três vulcões em volta de mim, encobertos pelas nuvens.

A vantagem de estar em diferentes altitudes pelo trajeto é que eu pude ter várias perspectivas do pôr do sol, e a vista é completamente deslumbrante.

Foto: Andre Fuão

Refiz o meu planejamento, colocando agora como meta diária 40 km de caminhada. O tempo já não era mais seco com antes, e começou a chover com mais frequência.

Por conta disso, as manhãs eram bastante geladas e só começava a aquecer às 9:00. Como praticamente toda noite chovia, tinha que estar sempre atento para não molhar o equipamento, além de ter mais dificuldade para montar as barracas na chuva.

Foto: Andre Fuão

Continue acompanhando minha aventura nas próximas semanas, que só é possível graças ao patrocínio do Superbid*.

*O Superbid Marketplace é uma plataforma com soluções e múltiplas modalidades de transações online.

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.