Pacific Crest Trail – Deslizando na neve

Após Bridgeport, viajamos para South Lake Tahoe. Contávamos com a promessa de que a neve iria diminuir. Pegamos 70% de neve e 30% de trilha.

Demoramos 4 ou 5 dias, e finalmente começamos a fazer uma quilometragem mais adequada do que as 12 ou 13 milhas (aproximadamente 20 km) diárias anteriores nas montanhas. Passamos a fazer, por dia, cerca de 20 milhas, que é o equivalente a 33 km.

Foto: André Fuão

Voltando ao ritmo normal da caminhada, vimos muitas marcas de esqui na neve. A neve “antiga”, na qual íamos deslizando, subia as montanhas e deslizava ou esquiava. Esquiávamos até 3 km montanha abaixo!

Fiquei sem barras, e meu amigo sem proteínas, como atum. Por isso, fizemos escambo de alimentos durante vários dias: uma barra por cinco salaminhos, ou duas fatias de queijo por alguns M&Ms.

Depois da super neve, e dos rios, havia muito vento, com perigo principalmente quando andávamos nas bordas das montanhas.

Foto: André Fuão

Chegando em South Lake Tahoe, encontramos finalmente o restante do grupo – que a princípio seguiu um dia de viagem na nossa frente por conta da infecção alimentar que tivemos.

A cidade é incrível, lotada de pessoas legais e comida boa (principalmente a pizza, rs). No Echo Lake, vários turistas nos abordaram perguntando sobre a trilha. Lá, achei tudo lindo. Dormimos num lago enorme chamado Aloha Lake, todo congelado, parecia cena de filme.

Foto: André Fuão

Seguimos de volta para a trilha, onde viajaremos para uma nova sessão: o norte da Califórnia. Estou bem animado e preparem-se para imagens incríveis desse lugar.

Continue acompanhando minha aventura nas próximas semanas, que só é possível graças ao patrocínio do Superbid*.

*O Superbid Marketplace é uma plataforma com soluções e múltiplas modalidades de
transações online.

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.