Filmes de montanha: Quais são os principais festivais existentes no mundo?

No Brasil, inegavelmente, há uma faixa litorânea considerável. Com uma faixa litorânea de 7.367 km, que pode aumentar para 9.200 km se forem consideradas as saliências e reentrâncias, culturalmente impactou nossa cultura. Para quem gosta de praia, é uma realidade confortável. Mas e para quem pratica montanhismo?

Muito se fala repetidas vezes da “falta de cultura de montanha” entre os brasileiros. Mesmo quem pratica alguma atividade de montanha, a cultura do montanhismo ainda carece de uma consolidação. Poucas pessoas, entretanto, se questionam sobre como fortalecer e consolidar esta mesma “cultura de montanha” em solo brasileiro. Sabendo que, conceitualmente, a cultura é a somatória de costumes, tradições e valores, ela torna-se forte agente de identificação pessoal e social.

A percepção individual do mundo é influenciada pelo grupo. Aquilo que o grupo aprova, ou valoriza, tende a ser selecionado na percepção pessoal. Portanto, a cultura não é somente uma herança que se herda de família, mais também uma herança herdada da sociedade trazendo um conhecimento e uma riqueza sem igual.

Mas, qual a melhor maneira de consolidar entre montanhistas e não montanhistas a cultura de montanha? Uma das melhores estratégias já implementadas no mundo é a de festivais de cinema. Diferentemente do já desgastado dos encontros de montanhistas, os quais possuem como característica “pregar para convertidos, os documentários de exploração e aventura possuem formato mais sedutor para todos. Afinal o cinema ainda possui um apelo cultural considerável.

Filmes influenciam no modo das pessoas pensarem, vestirem, e o imaginário sobre a cultura de qualquer área. O cinema, como um todo, é um tipo de arte muito difundida, de fácil consumo e muito atrativa, além de ser barata, simples e rápida, e ser uma forma de entretenimento passiva (o que é atrativo para os patrocinadores).

Quais seriam os principais, e mais relevantes festivais de filmes de montanha no mundo?

 

Primeiramente, é preciso estabelecer parâmetros para entender o que faz de um festival de cinema “maior” ou “melhor” que o outro. Poucos sabem, mas a linha de corte que determina a temporada de festivais de filme é a época do ano. Como a temporada de montanhismo no hemisfério norte começa a terminar no outono, é exatamente nesta época que os mais prestigiados festivais começam a acontecer.

O motivo de ser outono é simples: as produções são gravadas durante o início da temporada: primavera e verão. São editadas e procuram ser apresentadas no outono ou inverno (novembro a fevereiro). Festivais que acontecem fora desta época no hemisfério norte, podem ser considerados a “segunda divisão” da modalidade. O motivo? Acontecem com filmes que já foram exibidos em todo o mundo ou já estão disponíveis em plataformas de internet.

Uma outra característica de um festival “segunda divisão” é de pouco se preocupar com a direção de arte das produções, exibindo-as em parques abertos ou projetores de baixa resolução. Nisso a atenção do expectador fica dispersa e todo o trabalho de elaboração de uma obra fica em segundo plano. Esta prática acabou impactando na qualidade de algumas produções, que visam este tipo mais comercial e menos cultural, as quais acabaram parecendo anúncios disfarçados de filmes.

Banff Mountain Film and Book Festival

Considere o festival de Banff como o avô de todos os festivais de cinema de montanha. O Banff Mountain Film and Book Festival começou em 1976, quando montanhistas e esquiadores locais procuravam algo para fazer entre as estações. O evento acontece no The Banff Centre, instituto cultural que fica localizado dentro do Parque Nacional de Banff, na Província de Alberta, Canadá, considerado patrimônio da humanidade pela UNESCO.

Aproximadamente 300 filmes são inscritos no festival anualmente, e os 60 filmes (aproximadamente) são selecionados por um comitê de pré-seleção para exibição no festival. Durante o festival, o júri do festival internacional de cinema escolhe os melhores filmes e apresenta prêmios em várias categorias. O Banff Mountain Film and Book Festival ficou notório por premiar filmes baseado em critérios técnicos e não políticos.

Imediatamente após o festival em novembro, após uma seleção dos melhores filmes inscritos no festival, há uma turnê de exibição ao redor do mundo chamada de Banff World Tour. A organização anfitriã em cada local da excursão escolhe um programa que reflete os interesses de sua comunidade e cria uma celebração única de aventuras e aventureiros locais. O World Tour visita aproximadamente 305 cidades anualmente em 20 países, alcançando mais de 220.000 pessoas.

Para saber mais do Banff Mountain Film and Book Festival: http://www.banffcentre.ca

Kendal Mountain Festival

O Kendal Mountain Festival, que dura quatro dias, reúne palestrantes, livros, exposições e filmes de aventura é considerado “de longe o maior e mais variado evento do gênero do mundo”. Rivaliza com o Banff Mountain Film and Book Festival como o festival mais influente e importante do mundo. Fazendo uma comparação com o circuito de filmes hollywoodianos, a premiação do Banff é equivalente ao Oscar e o Kendal é o Urso de Ouro do Festival de Berlim e ou a Palma de Ouro no Festival de Cannes.

Mais de 70 filmes são exibidos (entre mais de 300 entradas), com doze prêmios disponíveis. Os eventos incluem exposições de arte, literatura, a ‘Adventure Film Academy’ para cineastas aspirantes, eventos fotográficos, competições e noites esportivas especializadas.

Tanto que o Kendal Mountain Festival também é o local para o prestigiado Prêmio Boardman Tasker de literatura de montanha. O festival começa em Kendal, Inglaterra, em novembro e é possível assistir à turnê de filmes que é exibida em vários destinos europeus e da América Latina.

Para saber mais do Kendal Mountain Festival: https://www.kendalmountainfestival.com

European Outdoor Film Tour

Criado em 2000 para ser um festival itinerante, o European Outdoor Film Tour possui mais de 200 exibições de turnês europeias em seu 13º ano, o European Outdoor Film Tour pode se gabar de ser o maior festival de filmes de aventura da Europa.

O festival faz turnês prestigiadas na Bélgica, Alemanha, Grã-Bretanha, França, Itália, Luxemburgo, Suíça, Holanda e Áustria.

Para saber mais do European Outdoor Film Tour: http://www.eoft.eu

Mendi Film Festival

Sediado na cidade de Bilbao, Espanha, o Mendi Film Festival oferece um extenso programa de atividades, incluindo a presença de diretores e atletas que fornecem o testemunho direto de sua experiência.

O Mendi Film Festival também é um destaque de uma visão da humanidade, defesa ambiental, relevância cultural e histórias de interesse humano.

Para saber mais do Mendi Film Festival: mendifilmfestival.com

Mountain & Adventure Film Festival Graz

O Mountain & Adventure Film Festival Graz, Áustria, foi fundado em 1986 pelo montanhista e cineasta Robert Schauer. Começando como uma reunião de produtores profissionais e montanhistas, expandiu-se para um acontecimento anual que atrai uma multidão de pessoas.

Todos os anos, um programa diversificado é composto por envios de mais de 30 países. Na competição internacional do Festival, um júri premia a “Câmera Alpina em Ouro” em cinco categorias e o “Grand Prix Graz” pela melhor produção.

Para saber mais do Mountain & Adventure Film Festival Graz: https://www.mountainfilm.com

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.