Escaladora sofre grave acidente em Yosemite e é resgatada por Honnold e YOSAR

A escaladora norte-americana Emily Harrington sofreu grave acidente no dia de hoje em Yosemite enquanto escalava no El Capitan. A norte-americana tenta escalar livremente a via “Golden Gate” 5.13b norte-americano (9c brasileiro) da base até o cume em um único dia. Harrington é cinco vezes campeã nacional dos EUA em escalada esportiva, ficou em segundo lugar no Campeonato Mundial de 2005, e é das primeiras escaladoras de seu país a encadenar vias esportivas graduadas em 5.14 norte-americano (acima de 10c brasileiro).

De acordo com o relato que a própria Harrington em sua rede social, que na sua queda acabou girando no ar e a corda pegou em seu pescoço. Após o acidente, Emily foi socorrida pelos escaladores Alex Honnold, Adrian Ballinger (que era seu companheiro de cordada), Jon Glassberg (que estava filmando a escalada), Sanni McCandless (namorada de Alex Honnold), Tara Kerzhner (que estava também filmando a escalada) e voluntários do Yosemite Search and Rescue (YOSAR).

Na sua rede social, Harrington escreveu: “Eu tive um acidente ontem no El Cap. Estou ferrada, mas felizmente ficarei bem. Não tenho muito a dizer, exceto que eu caí bastante e girei na queda e, de alguma forma, bati na corda com o pescoço”.

O YOSAR começou a recrutar os melhores escaladores em Yosemite para resgates na década de 1960, quando a escalada em grandes paredes explodiu em popularidade. Hoje, os escaladores que desejam ser membros do YOSAR são formalmente examinados. Os socorristas devem estar em excelente condição física e ter habilidades sólidas de escalada e / ou correntezas de rios.

De acordo com as informações divulgadas pela escaladora, ela já está no hospital em recuperação e não corre perigo de morte.

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.