Empresa cria “purificador de ozônio” para calçados e sapatilhas de escalada

Faz parte da cultura de escaladores reclamar do mau cheiro das sapatilhas de escalada. Há todo tipo de piadas e anedotas a respeito do assunto. Pensando nisso uma empresa criou um “purificador de ozônio” de sapatilhas de escalada. Sim, você leu certo, uma empresa pretende acabar com o chulé dos calçados com uma máquina futurista que, caso caia no gosto da comunidade de escaladores, podem ser instaladas em academias de todo o mundo.

Da mesma maneira que a revolução industrial trouxe várias novidades para a sociedade nas feiras mundiais no final do século XIX, as que procuram explorar o universo outdoor agora neste início de século XXI. Em Nuremberg, a segunda edição da feira Halls & Walls, totalmente dedicada à escalada indoor e aos inventores que tentam dar respostas às perguntas mais comuns dos escaladores, a que chamou mais a atenção do público foi uma técnica usada para a higienização das sapatilhas de escalada.

O invento da empresa Klenz, batizado de Elfur-K, é um purificador de sapatilhas de escalada. Foi comprovado que o aparelho mata até 99,8% das bactérias, graças à tecnologia especial de nano prata e partículas de ozônio, substâncias que têm efeitos antibacterianos.

A desinfecção do calçado, que dura apenas alguns minutos, não usa detergente ou água adicional. Portanto, o escalador pode já usa-los imediatamente após o tratamento. É um processo seco e sem calor, que é completamente seguro para o corpo humano.

A máquina, que foi criada para servir para consultórios de podologia, custa € 470.

Mais detalhes: https://skuskanaweb.webnode.sk

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.