Carregador Solar de eletrônicos: Saiba quais as especificações para fazer a melhor compra

Com a onipresença dos eletrônicos, em especial o smartphone, a dependência da energia elétrica, a qual já era alta, ficou ainda maior. No mundo atual, da maneira como o concebemos atualmente, seria praticamente impossível viver sem as formas de energia que conhecemos. Mas fazer uma atividade outdoor exige que estejamos fora da civilização.

Mesmo estando no meio do nada, seguimos usando aparelhos eletrônicos como GPS, headlamp e smartphone. Como fazer então para carregarmos estes aparelhos quando estivermos longe de tudo?

Carregador Solar

Carregador Solar

Até pouco tempo atrás, há uns 10 anos, não existia uma maneira prática. Além disso, há o fato de que, infelizmente, a maioria dos eletrônicos não possui baterias de longa duração, mas a escolha do melhor carregador sola pode resolver esse problema.

Os dispositivos movidos a energia solar estão de fato entre as revoluções tecnológicas modernas do século XXI. Portanto, se está pensando em comprar um carregador solar, precisa conhecer os conceitos técnicos e a ciência por trás deles, para estar preparado para operá-los. Sem mencionar que o ideal é adquirir um dispositivo que atenda às suas necessidades de acordo com a potência e a amperagem.

Placa fotovoltaicas

Carregador Solar

Carregador Solar

Painéis solares fotovoltaicos são dispositivos utilizados para converter a energia da luz do Sol em energia elétrica. Ele é a base de todo equipamento de carregamento solar, desde os telhados das casas até o carregador de aparelhos eletrônicos.

Muitas pessoas confundem as placas fotovoltaicas com fototérmicas. Apesar das duas placas trabalhar com captação de luz solar, possuem objetivos bem diferentes.

Placas fototérmicas são utilizadas em sistemas para o aquecimento de água em chuveiros, torneiras e piscinas, processos industriais, turbinas e secagem de grãos. O aparelho fototérmico utiliza um coletor que capta a luz solar e um reservatório com isolamento térmico para que os líquidos ou gases serão acondicionados.

As placas fotovoltaicas produzem energia elétrica e seus painéis são constituídos por camadas de várias células, normalmente de silício. Um painel solar é um conjunto de células solares e para receber maior quantia de energia, os painéis solares devem estar direcionados para o sol.

Voltagem

Carregador Solar

Carregador Solar

A unidade de medida watt é usada na física para medir a energia elétrica. Seu valor é o resultado da multiplicação da tensão elétrica (chamada voltagem) e da intensidade elétrica (chamada corrente e medida em Ampere).

Se você tiver um modelo de telefone antigo, que não requer muita energia para ser carregado, poderá obter um carregador de 5 watts. Por outro lado, se você tiver um smartphone, tablet ou algum tipo de dispositivo que as energia, precisará de um carregador solar de 10 a 15 watts. Observe que este valor serve para apenas um aparelho carregado por vez.,

Em média esses carregadores demoram de 4 a 5 horas para um de 5 watts e em torno de 2 horas com um carregador de 10 watts.

Carregadores com 15 a 25 watts de energia elétrica são uma ótima opção se não estiver sozinho em um trekking e outras pessoas, que estão com você, também a usarão. Mas esta potência não serve apenas para carregamento coletivo, mas também é um bom acessório se você tiver mais dispositivos para serem carregados ao mesmo tempo. Ou seja, se tiver um smartphone, aparelho de GPS e uma headlamp, esta carga é a mais indicada.

Os modelo mais caros e complicados são os que tem mais de 25 watts, o que exige bateria e um inversor adicionais, porque é útil para pessoas que desejam carregar laptops ou sistemas de corrente alternada (como uma lâmpada, por exemplo).

Os melhores carregadores solares têm uma potência alta e isso é um fato. Eles também possuem baterias que fazem os dispositivos absorver energia a uma taxa de intensidade mais baixa (menos Amperes).

Amperagem

Carregador Solar

Carregador Solar

Por outro lado, é necessário também observar a potência de saída se deseja escolher um carregador solar que possa carregar um smartphone e um telefone “menos moderno”. Para um smartphone, é necessário um dispositivo que possua pelo menos uma porta USB de 2,1 A. No caso do telefone “menos moderno” pode facilmente ser com uma porta USB de 1 A.

Algumas marcas declaram que seu produto possui uma potência de 2,1 Amperes, referindo-se à amperagem total suportada pelo dispositivo. Entretanto, do lado do carregador significa que cada porta USB, ou pelo menos uma, pode suportar essa amperagem máxima. Portanto, um dispositivo pode carregar apenas um aparelho por vez a 2,1 Amperes.

Portanto, é necessário verificar a amperagem e a potência do carregador solar que decidiu comprar, para que ele possa atender às necessidades de energia do seu aparelho eletrônico. Isso também é um impeditivo se mais de uma pessoa precisar usar o carregador solar, pois isso pode prolongar o tempo de espera de carregamento.

Desvantagens do carregador solar

Carregador Solar

Foto: http://klear.com/

Parece óbvio, mas por ser um carregador que utiliza a luz solar, sua debilidade está exatamente nisso. Se estiver indo para algum lugar “menos sol”, ou em uma estação com menos luz do dia, precisará passar dificuldades com o carregador solar.

Não que deixe de funcionar, mas funcionará com rendimento reduzido. Este dispositivo pode ajudá-lo a carregar o aparelho eletrônico, mas precisará esperar mais tempo para que o carregamento. Por isso que, nessa situação de tempo nublado, é recomendável adquirir um carregador com uma potência maior, para garantir que o telefone seja carregado mais rapidamente e que você possa aproveitar o passeio.

Um outro detalhe desagradável, é que alguns carregadores solares não carregam totalmente o telefone. Nesse caso, provavelmente precisará usar o carregador várias vezes ao dia ou aceitar o fato de que durante a sua viagem, o telefone terá carga máxima.

Tipos de carregadores solares

Carregador Solar

Carregador Solar

Apesar de ser uma tecnologia nova, há no mercado uma infinidade de carregadores solares de equipamentos eletrônicos no mercado. Cabe ao usuário ponderar entre o custo e o benefício que o aparelho irá proporcionar.

Portanto, no seu processo de escolha, leve em conta quanto tempo ficará em sua atividade.

  • Monocristalino: Este é o tipo tradicional de painel solar, construído para aguentar atividades outdoor. No entanto, ele não é dobrável e isso pode ser uma grande desvantagem. No entanto, a maioria dos carregadores monocristalinos possuem um design aprimorado e sua rigidez não é uma desvantagem grande.
  • Policristalino: Possui painéis feitos de vários cristais de silício. Por esta variação de material, não são tão eficientes quanto os monocristalinos. No entanto, esses painéis são ótimos se deseja economizar na compra e usá-los com muita frequência.
  • CIGS: Painel flexível que pode manter a energia por muitos dias, sendo relativamente barato e leve, mas não muito durável. No entanto, eles são muito bons em tempo nublado, captando mais energia com uma quantidade menor de luz solar.
  • Bateria integrada: Carregador solar ideal para uma viagem curta, tipo viagem de fim de semana. mas este modelo não permite carregar mais de dois dispositivos e funciona melhor em um local com raios de sol (baixo rendimento em tempos nublados). As baterias integradas são ótimas se quiser sair do acampamento e não se preocupar em ajustar constantemente o aparelho eletrônico.
  • Painel dobrável e bateria: Bom para alguns dias em que ficar “no meio do nada”. Este modelo pode carregar aparelhos de mais de uma pessoa.

Comente agora direto conosco

Moderação de comentário está ativada. Seu comentário pode demorar algum tempo para aparecer.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.