Reinhold Messner faz sua estréia como diretor em filme sobre Monte Quênia

O montanhista Reinhold Messner possui vários adjetivos que o identifique com elação à atividade: alpinista, himalaísta, explorador, escritor e ex-político. Neste rol de habilidades, pode ser acrescentada a de diretor de filmes. Considerado um dos melhores montanhistas de todos os tempos, está estreando no circuito de filmes de montanhas com seu novo “Still Alive – The Drama on Mount Kenya”.

O Monte Quênia (5.199 m) fica a 200 km de Nairobi, capital do país, e é o segundo ponto mais alto da África. Possui seu topo sempre preenchido com neve e é considerado Patrimônio da Humanidade desde 1997.

A nova produção do agora diretor Reinhold Messner debutou neste mês na cidade de Viena. Os presentes à estreia ainda tiveram o privilégio de um workshop sobre a produção após a exibição.

Na história dois jovens montanhistas, Oswald Ölz e Gert Judmaier, acabam de abandonar o cume do Monte Quênia e estão voltando caminhando sobre a cordilheira norte quando uma rocha se rompe. No acidente Judmaier se fere.

Com poucas possibilidades de recuperação rápida, é iniciado uma operação de resgate. Segundo informações disponibilizadas para a própria imprensa (via assessoria) a história é sobre força de vontade, confiança e perseverança.

A produção não possui previsão de exibição no Brasil ou América Latina.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.