Organização da Adventure Sports Fair anuncia cancelamento da edição de 2015

Originalmente agendada para acontecer em agosto deste ano, a Adventure Sports Fair 2015, reconhecidamente a maior feira do mercado de esportes outdoor do Brasil, anunciou o cancelamento da edição deste ano.

Alegando problemas por conta da profunda instabilidade atual da economia brasileira, a organização decidiu “dar uma pausa” na organização do evento.

Para a edição de 2016 a organização, por enquanto, confirmou a realização que segundo informou terá “novas atrações e conteúdos”.

Adventure-Sports-Fair-2011[1]

Reconhecendo a iminente e visível falência de revistas e outros meios de comunicação impressos anunciou que a divulgação em 2016 terá “inserções em TV aberta e rádios e muita mídia digital”.

Nos últimos anos as principais e mais importantes mídias digitais marcaram presença na feira com disputadas palestras pelo público.

A organização não divulgou data e locais do evento de 2016.

Formato polêmico

O formato da Adventure Sports Fair, o qual privilegia excessivamente o turismo de aventura ganhou bastante resistência ao longo dos últimos anos.

Foto: Natalia De Marco

Foto: Natalia De Marco

Grandes marcas de equipamentos esportivos foram se afastando, preferindo somente participar de forma discreta e pontual à rodada de negócios.

Grandes lojistas, assim como as principais marcas de equipamentos outdoor (importadas ou nacionais) foram sumindo a cada ano, cedendo espaços para grandes stands de cidades à procura de promover seu turismo.

Mesmo a cidade de São Paulo, cidade onde se realiza a feira, possuía um local reservado à feira no qual promovia o tradicional sanduíche de mortadela.

A área de palestras por sua vez ganhou grande procura pelo público visitante da feira, o que chamou bastante atenção de palestrantes motivacionais e corporativos que passaram a dividir o espaço com temas técnicos e mais ligados ao público leigo.

A organização possui portanto pouco mais de um ano para rejuvenescer o formato adotado e que fez com que a feira fosse grande atrativo para o público, mídia, marcas e expositores.

Queremos que a parte experiencial do visitante seja mais rica,  envolvendo sensações e  muito mais emoções , e isto tanto no que se refere aos esportes quanto aos destinos de viagem

Sergio Bernardi

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.