Nepal anuncia que irá refazer medição para aferir altura do Monte Everest

O Governo do Nepal anunciou no início desta semana que irá realizar uma nova medição para aferir a altura do Monte Everest. Considerado um dos orgulhos do país, a montanha conhecida como “teto do mundo”, irá demandar um trabalho de logística dos topógrafos que irá demorar dois anos para ser concluída. Segundo informações oficiais a iniciativa irá custar algo em torno de US$ 250.000 ( aproximadamente R$ 785.625,00 em valores atuais).

Por muitas décadas a altura do Monte Everest foi aceita como sendo de 8.848 metros, mas este valor é cercado de certa controvérsia e questionamentos. Por sua vez o governo chinês fez uma medição em 2005 e aferiu 8.844 metros, com os topógrafos alegando que esta diferença era a inexistência do montante de neve no cume. No ano de 1999 uma medição feita por GPS pelo National Geographic Society mediu 8.850 metros.

Portanto a medida oficial está, ao menos em teoria, necessitando de um “desempate”. Para isso o Governo do Nepal está com este plano de estabelecer um valor incontestável e “definitivo”. O país, o qual possui o lado sul do Everest (o outro lado pertence à China), nunca mediu a altura da montanha. A iniciativa, entretanto, não é gratuita. A Índia, país vizinho, também anunciou seus próprios planos de também medir a montanha.

O desenho de tantos países, em fazer uma nova medida do Everest, tem uma explicação científica razoável. Após o terremoto de 2015, que devastou boa parte do país, há hipóteses de que os abalos sísmicos pode ter encolhido a montanha. Alguns estudos apontam que a montanha “somente” perdeu alguns centímetros, nem chegando a um metro.

Os planos do governo nepalês já vem colocando em prática a metodologia de trabalho para toda a medição. Tudo está sendo preparado para que a comunidade internacional critique e conteste o menos possível. Caso todo o planejamento não seja bem sucedido, uma equipe de Sherpas irá carregar um GPS de alta precisão até o cume, no início da próxima temporada de montanhismo (início da primavera no hemisfério norte). O GPS irá trabalhar em conjunto com topógrafos em outras partes da Cordilheira do Himalaia, os quais também irão aferir várias montanhas.

Sobre o Autor

Da Redação

Da Redação

Equipe da redação

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.