Empresa japonesa desenvolve carregador de eletrônicos que pode revolucionar prática de trekking

Para quem é mais velho, já deve ter entrado em contato com um chocalho de madeira conhecido como matraca. O brinquedo tinha como objetivo principal fazer um ruído com o giro de uma haste. O aparelho, constituído geralmente de madeira, quando sacudido, produzia um som característico. Em pequenas cidades do interior do Brasil é utilizado por vendedores e também na quaresma para anunciar uma procissão (substituindo os sinos).

A empresa japonesa Sugita Ace, em uma parceria com a empresa de design Nendo Designs, criaram um aparelho de carregar eletrônicos que usa a mesma filosofia. À primeira vista são apenas duas hastes, muito similares a canos de PVC, que quando rotacionadas pelo usuário, acabam por carregar uma bateria. Posteriormente, esta bateria pode carregar aparelhos eletrônicos que possuam porta USB. O aparelho foi batizado de “denqul”.

O escritório de design considerou o uso de energia solar ou a manivela para desenvolver o equipamento. Como o movimento de chacoalhar esta “matraca”, poderia ser feito com uma mão somente, esta foi a escolha da empresa. Nos bastões estão uma bateria de lítio, que fica posicionada na ponta e que usa seu próprio peso para facilitar a oscilação da bateria. Portanto, o carregador “denqul” usa somente a energia cinética para acumular energia.

Embora projetado para uso de emergência (como um apocalipse Zumbi), a “denqul” também funciona como um suporte de mesa para carregar telefones e organizar itens como óculos, canetas e lápis.

O equipamento, entretanto, ainda não está disponibilizado para o público. Até o momento somente o protótipo pode ser avaliado. A empresa promete para breve mais novidades de lançamento.

Para mais detalhes: http://www.nendo.jp

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.