Mariana Hanggi, a menina de ouro – Sim, o futuro da escalada já começou

Muitos anos se passaram desde que comecei minha jornada no mundo competições de escalada, antes como atleta e depois como técnico.

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Ao longo de 27 anos de história na escalada tive a oportunidade de conhecer vários atletas em competições nacionais e  internacionais.

Nos campeonatos mundiais que estive como atleta, e depois como treinador, tive a oportunidade de conhecer os melhores atletas do mundo e, mesmo dentro do Brasil, ao longo de todos esses anos vi muitos escaladores de diferentes biotipos, estilos de escalar e motivações.

Como técnico tive que refinar meu olhar para reconhecer de longe um atleta com potencial. Vi muitos escaladores que poderiam ter tido muitas conquistas se tivessem permanecido no esporte.

Mas aí está a dificuldade de trabalhar com escalada : a continuidade dos treinos…  Existem diversos estilos de escaladores, a grande maioria só quer praticar por lazer, alguns buscam  performance na academia, outros na rocha, ou somente em boulder.

Alguns ainda se dedicam apenas à vias de dificuldade e a grande maioria não que competir. Ainda há os que querem competir mas que não tem potencial.

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Então encontrar uma atleta jovem, que ama escalar, que gosta de treinar, gosta de competir, forte, com um excelente biotipo para escalada, que escala bem tanto boulder quanto vias esportivas é como encontrar ouro !

Sempre digo que há os que querem ser atletas e os que nasceram para isso, hoje vou falar de Mariana Hanggi, a atleta de 9 anos que tem se destacado no escalada brasileira.

Aos 9 anos a menina tem no currículo inúmeros títulos e conquistas, por isso se você nunca ouviu falar, guarde bem esse nome : Mariana Hanggi.

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Campeã brasileira infantil de dificuldade e boulder, tem ainda no currículo um 6º e um 7º lugar no Petzen Climbing Trophy 2014 e 2015 na Áustria onde competiu com mais de 40 crianças do mundo todo, inclusive países com muita tradição na escalada infanto-juvenil.

Mariana Hanggi também conquistou o vice-campeonato paranaense de escalada nessas duas categorias competindo com atletas até 4 anos mais velhas que ela, e também se destacou no festival de escalada Caldeirão do Behne da AGM  no Rio Grande do Sul,

Mariana participou da categoria infantil porém as categorias infantil e amador escalaram juntas,  das 7 competidoras gerais  Mariana foi a única a tocar na ultima agarra da via!

Mariana Hanggi começou a escalar por lazer aos 6 anos, incentivada pela mãe que também escala por lazer. Nunca houve uma pressão para competição, mas ela mesma começou a demonstrar interesse e desde o inicio percebi a maneira como ela reagia bem com pressão do público.  Nessa idade sua determinação e a dedicação já eram evidentes.

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Hoje com quase 3 anos de escalada os treinos dela estão mais puxados, estou evoluindo com os treinos na medida que ela também amadurece física e psicologicamente, sempre com um objetivo traçado porém  sem pressa. Nessa idade é importante  o atleta se divertir  e treinar ao mesmo tempo.

Em março deste ano Mariana Hanggi viajou comigo e com outro atleta para uma semana de treinos pelos  EUA para se aperfeiçoar . Para essa viagem focamos mais nos boulders e Mariana chamou a atenção inclusive dos gringos. Foi uma semana de mais aprendizagem, uma vez que ela já esteve na Itália, Eslovênia e Áustria.

Mariana esporadicamente escalada na rocha, pois durante a semana treina na academia e então fim de semana coloca os estudos em dia. Para ela poder escalar é o mais importante, seja via, boulder, escalar na rocha, na academia…

Estamos hoje focando nossos treinos no ingresso dela nos campeonatos mundiais, embora falte ainda um bom tempo para ela poder participar do juvenil que se inicia aos 14 anos já estamos nos preparando para o grande momento !

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Por ela ser tão jovem procuramos ter o cuidado de fazer tudo isso sem pressão, tanto eu quanto a família dela temos esse cuidado, estamos  ajudando,orientando mas estamos deixando que ela trace seu próprio caminho dia após dia,  pois só quem já foi atleta de ponta sabe de todo o sacrifício que o esporte exige.

Mariana Hanggi é uma menina determinada e ela tem isso desde sempre. Fica frustrada quando não consegue mandar uma via e fica com isso na cabeça até conseguir seu objetivo. A maior competição dela é com ela mesma.

Quando as graduações mais altas já conquistadas por ela, nos treinos em ginásio ela já está trabalhando 7B e 7C sendo que já mandou um  7C.

Nos EUA ela conseguiu encadenar um 7A à vista no ginásio Sender One do Chris Sharma. Nos EUA também ela  mandou dois boulders de V6.

É muito bom trabalhar com quem ama o que faz, ela é apaixonada pela escalada e por treinar, tenho sorte de poder ser o treinador dessa  joia que é uma atleta dedicada com quem troco experiências e muitas risadas,  ela é uma figura única que alegra a vida de todos.

Além de uma super companheira de viagem, ainda vamos dar ao volta  ao mundo juntos competindo e escalando. Acreditam que ela já pediu pra mãe como presente de  15 anos uma viagem para ela escalar o Matherhorn ( o avô dela é Suíço),  é mole ?

Foto : Anderson Gouveia

Foto : Anderson Gouveia

Sobre o Autor

Anderson Gouveia

Anderson Gouveia

Escalador desde 21 anos, desses 18 dedicados a competição, foi criador e técnico da seleção brasileira juvenil em duas oportunidades na campanha da França e Escócia.É Coordenador de escalada na academia Via Aventura, único brasileiro Route setter continental IFSC e Atleta La Sportiva Brasil.

There are 4 comments

  1. Gustavo Hanel

    Tive a honra de acompanhar a Mariana e o Jander em duas viagens (2014 e 2015) e realmente a Mari tem um grandíssimo potencial! Parabéns pelo trabalho Jander e a Mari por toda a dedicação e resultados que vem mostrando, representando o nosso Brasil na escalada esportiva! Grande abraço e kmooon Maaari!

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.