Marca Mammut publica alerta sobre costuras “permanentes”

Uma prática muito comum na Europa é a existência de chapeletas permanentemente costuradas em vias de grande dificuldade.

A intenção de deixar uma via permanentemetne costurada é ser autruísta com aqueles que estão “malhando” uma via de graduação alta (acima de grau 10c brasileiro).

Porém, após alguns incidentes, a marca suíça Mammut publicou em seu site, e alguns fóruns de escaladores uma advertência sobre o potencial de acidentes existentes no local.

Para potencializar seus alertas publicou fotos que são no mínimo aterrorizantes.

Com o desgaste dos mosquetões, a probabilidade de que uma corda de bitola mais fina (abaixo de 9.5mm) seja cortada em alguma queda, ou mesmo na descida é enorme.

O alerta na íntegra você lê EM INGLÊS aqui: http://www.mammut.ch/ropes_handling_note.html?utm_source=presse_newsletter_Warnung&utm_medium=E-Mail&utm_campaign=presse_newsletter_Warnung_EN

Engenheiro e Analista de Sistemas, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha, Argentina e Chile. Foi jurado do Rio Mountain Festival e já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Chile, Espanha, Uruguai, Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá. Realizou o Caminho de Santiago, percorrendo seus 777 km em 28 dias.

There is one comment

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.