Saiba quais são as 12 coisas que caracterizam um verdadeiro mochileiro (o tratado do mochileiro raiz)

Ser mochileiro é muito mais do que apenas comprar uma mochila. Parece óbvio? Mas sabemos que a realidade não é bem assim. Ser mochileiro é, correndo o risco de soar clichê, um estilo de vida e não somente uma maneira barata de viajar. Mas como identificar que a pessoa não é um poser, mas sim um verdadeiro mochileiro?

Mas um escalador, montanhista ou praticante de trekking é um mochileiro? A reposta a isso é uma simples pergunta: quantas pessoas você viu viajar para escalar, ou para um trekking, usando malas de rodinhas?

Uma coisa importante é estabelecer que todo mochileiro tem a obrigação de ser educado sempre. Cabe aos mochileiros serem a diferença em um mundo com pessoas folgadas e rudes. Se você, como eu, tem implicância com as pessoas que se intitulam mochileiros, mas na verdade quer apenas parecer, identifique comigo os itens abaixo que caracterizam um verdadeiro mochileiro:

Dormir no aeroporto/rodoviária/estação ferroviária para economizar dinheiro

mochileiro

Foto: Efecan Kobo | http://artofadventuring.com

Qual mochileiro que nunca dormiu no aeroporto para pegar o voo de um horário “alternativo” porque a passagem é mais barata?

Dormir em saguão e corredores de um aeroporto em qualquer parte do mundo é uma maneira fácil de identificar um mochileiro “raiz”. Afinal aquele valor economizado em uma hospedagem pode ser revertido em uma refeição posteriormente.


Tudo o que você precisa está na mochila

mochileiro

Fotot: Getty Images | https://www.elespanol.com/

Sim, todo mochileiro viaja de mochila. Preferencialmente no singular. Se alguém está viajando de mochilão, mas com vários itens (outras mochilas, por exemplo) pode ser um indicativo de que não está aplicando o desapego corretamente. Viajar de mochilão é fazer o exercício ser minimalista e levar aquilo estritamente necessário na mochila.

Um bom mochileiro sabe que a melhor viagem é aquela que a mochila não está pesada demais, mas sim no peso ideal com o essencial dentro dela.


Ser capaz de dormir em qualquer lugar

mochileiro

Foto: http://www.todo-travel.com/

Uma grande qualidade de um mochileiro é ter a capacidade de dormir onde quer que seja, sem importar a situação e circunstâncias. Seja acampando, bivacando (se não sabe o que é bivacar pode ser que não seja um mochileiro ainda), dormindo na cama ou chão de albergues e (como dito acima) chão de aeroportos.

Importante lembrar que ter esta capacidade é bem diferente de ser folgado e desrespeitar as outras pessoas, pois o bom mochileiro deve atentar-se a escolher um lugar que não atrapalhe ninguém, pois o seu direito de dormir termina quando o das pessoas de ir e vir começa.

Lembre-se: você é um mochileiro mas também acredita que a educação cabe em qualquer lugar.


Durante suas viagens usar poucas roupas

mochileiro

Foto: https://blog.skincancer.org

Se você tem apenas uma mochila para carregar duas coisas, porque então levaria todo o seu guarda-roupas nela? Esta é a pergunta que todo mochileiro deve fazer. Sempre!

Todo mochileiro raiz deve ter no máximo três peças de roupa para usar durante toda a viagem. Basta observar as fotos de viagem, as quais parecem estar sempre com as mesmas roupas.


Lavar roupas durante a noite no albergue ou camping

mochileiro

Com poucas roupas na mochila, invariavelmente precisará lavar algumas para ter algo limpo para usar. O mochileiro raiz não opta por levar em uma lavanderia, pois é um gasto desnecessário.

A melhor escolha é lavar roupas no banheiro do albergue ou camping à noite, para que tenham tempo de secar até a manhã. Uma tática vem usada é fazer isso enquanto toma-se banho, para economizar tempo.


Se encantar com confortos simples

mochileiro

Foto: https://www.laleggepertutti.it/

Qual mochileiro fica em hotéis? Acredito que poucos. Exatamente por isso quando um mochileiro chega a um albergue ou camping e há água quente, ou mesmo um colchão para dormir é dos dias mais felizes da viagem.

Um mochileiro de verdade valoriza as experiências espirituais e os pequenos simples prazeres. Quais prazeres? Cozinha equipada, água quente, banheiro, etc.


Não dormir sozinho em um quarto

mochileiro

Foto: https://www.tripsavvy.com

A vida de albergue (hostel) é cheia de histórias. O mochileiro de verdade fica em albuergues, e isso é um fato indiscutível. Por causa destas características, raramente dormem em um quarto particular e sempre compartilham de um quarto com várias camas.

Inicialmente estranha-se, mas depois acostuma-se. Afinal a gente se acostuma a tudo nesta vida, até com o que é bom.


Perder a noção do tempo

mochileiro

Foto: http://nomadicalsabbatical.com

O mochileiro raiz, a partir do momento que fecha o portão de casa, esquece de contar as horas, dias e mês. O que mais procura é a experiência espiritual e estar misturado à cultura do lugar que estiver.

Quando alguém lhe pergunta as horas ou o dia da semana passa bons minutos pensando pois não se lembra.


Procurar loucamente uma wi-fi grátis

mochileiro

Foto: https://www.hotels.com

O mochileiro raiz até se desconecta do mundo, mas a única maneira de dar notícia de vida é por seu smartphone. Por ele é que revisa e-mails e notícia a sua mãe que está vivo.

Para quem é fanático por fotos aproveita para subi-las para a nuvem. Por isso a caça a lugares com wifi gratuita é tão grande quanto por um lugar interessante para conhecer.


Valorizar o transporte público

mochileiro

Foto: http://www.diarioinformacion.com

O mochileiro raiz assim que chega ao seu destino procura a melhor maneira de utilizar o transporte público. Atualmente no mundo todas as grandes cidades possuem cartão para uso do transporte público.

Para isso o mochileiro já se preocupa também em utilizá-lo corretamente. Isso porque se você tem dinheiro para alugar um carro, porque está fazendo mochilão.


Cozinhar sua própria comida

mochileiro

Foto: https://www.tripadvisor.com

O verdadeiro mochileiro cozinha a sua própria comida. Evita desperdício de qualquer migalha e, se possível, aproveita os ingredientes deixados em albergues e campings. O mochileiro raiz mostra respeito pela comida, sabendo aproveitá-la ao máximo

Exatamente por isso que o melhor lugar para um mochileiro conhecer outras pessoas da mesma espécie é a cozinha do albergue ou camping. Lá é que pode ser possível fazer um intercâmbio de ideias e culturas. Caso seja possível unir os ingredientes de outras pessoas para uma grande refeição comunitária melhor ainda.

Preocupar com experiência não com a selfie

mochileiro

Foto: https://www.bamboogroove.com.br/

Muitas pessoas falam que o espírito do mochileiro é diretamente ligado à quantidade de experiencias acumuladas na viagem. Por isso, todo mochileiro deve se preocupar em vivenciar a viagem. Por isso deixe para fazer suas selfies em apenas alguns pontos do lugar que visitar.

Vivencie e aproveite o que a vida está dando oportunidade a você, pois o que mais importante de uma viagem é o que aprendemos e não a quantidade de selfies que tiramos. A vida é muito curta para ser pequena.

Webdesigner apaixonada por viajar e fazer trilhas de Mountain Bike, já fez mochilão pela Patagônia Argentina, Peru, Bolívia, Brasil e Uruguai.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.