Gigante da indústria esportiva lança modelo de tênis biodegradavel com tecido que “imita” a teia de aranha

Você sabia que os tênis que você usa demoram centenas de anos para decompor? Assim como as garrafas PET e as bolsas de supermercado, que foram eleitas os vilões da última década por muitos ecologistas com visão míope e comportamento alarmista.

Ao que parece todo o barulho que está sendo feito para que o volume de lixo no mundo diminua para que tenhamos espaço para viver parece ter chegado á Adidas. A marca alemã, que é uma das maiores empresas da indústria esportiva mundial, resolveu investir em materiais biodegradaveis.

adidas-biodegradavel-4

A empresa anunciou esta semana o lançamento de um novo tecido que fará parte de uma linha de tênis de corrida que utilizará o material biosteel fiber. O novo material, desenvolvido em parceria com a empresa alemã AMSilk, é, em linhas gerais, uma réplica artificial de um fio de seda.  O novo material é baseado na composição da teia de aranha, onde uma bactéria geneticamente modificada em laboratório cria a linha.

A nova linha da Adidas chama-se “futurecraft biofabric”, todo feito de biosteel fiber e, segundo a empresa, é completamente biodegradavel além de ter alta performance, sendo 15% mais leve que um modelo similar com outro tecido. O modelo, entretanto, está em fase de prototipagem e não foi anunciado quando estará disponível para o público consumidor.

Quando alguém quiser se desfazer do tênis após o uso, poderá utilizar um pacote de enzimas, vendidas separadamente, e o produto dissolve após algumas horas.

Para saber mais acesse: http://news.adidas.com

adidas-biodegradavel-3

adidas-biodegradavel-2

Argentina de nascimento e brasileira de coração, é apaixonada pela Patagônia e Serra da Mantiqueira.
Entusiasta de escalada, trekking e camping.
Tem como formação e profissão designer de produto e desenvolve produtos para esportes de natureza.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.