[EXCLUSIVO] Avaliação Mochila Trans Alpine 26 SL – Deuter

M7A mochila Trans Alpine 26 SL da marca Deuter tem como público alvo os praticantes de atividades de natureza , pedaladas urbana, MTB,  trekking, escalada e viagens de mochilão.

Segundo seu fabricante tem como principais características:  versatilidade, conforto, leveza e durabilidade.

O teste

A mochila foi extensamente testada nas mais diversas situações possíveis e que abrangesse todas as situações de uso para as quais foi projetada.M4

Foi usada em duas pedaladas na Rota Márcia Prado, que vai desde a cidade de São Paulo até Santos que consiste em mais de 90 km.

A mochila foi utilizada ainda em varias viagens na Patagônia para escaladas e mochilagem.

Foi utilizada em um mochilão na Europa além de trekkings de dificuldade variada no Brasil em lugares como Serra da Mantiqueira, Parque Serra do Mar, Floresta da Tijuca e Gruta da Lapinha.

M5As caminhadas foram de dificuldade leve à moderada tanto em lugares junto à natureza quanto em ambiente urbano.

Durante o uso em ambiente urbano foi utilizada em diferentes meios de transporte, sendo eles automóvel, avião, trem e ônibus.

Foi utilizada com um máximo de 7 kilos armazenando roupas, sacos de dormir, notebooks e reservatório de água.

Durante algumas caminhadas enfrentou chuvas fortes.

Foi utilizada em sua maioria com calor intenso, e alta umidade relativa do ar.

Prós

  • Qualidade dos materiais
  • Design (estética)
  • Sistema para carregar capacete

Contras

  • Peso
  • Falhas de ergonomia
  • Relação peso x volume
  • Distribuição da carga
  • Capacidade de armazenamento
  • Desconforto

Notas

  • Qualidade de material : 4,00
  • Acabamento : 4,00 
  • Design : 3,50  
  • Ergonomia : 1,50  
  • Relação Peso x volume: 1,50 
  • Relação custo x benefício: 3,00
  • Nota final:2,91 

Opinião

A mochila  Trans Alpine 26 SL  da marca Deuter após realizados os testes decepcionou profundamente e contrariou as altas expectativas.M6

Mesmo com carga leve a mochila causou forte, e constante, sensação de sobrepeso e desconforto.

Mesmo vazia a mochila aparentava estar carregando algum peso.

O espaço interno da mochila parece não corresponder a capacidade anunciada e, em outras palavras, é difícil de organizar os pertences dentro dela

Quanto à qualidade dos materiais a mochila se destaca pois o tecido é muito resistente à abrasão e a capa de chuva que vem inclusa a mochila é totalmente impermeável.

M2Possui saída para reservatório de água, fitas para levar capacete no exterior , e para bastões de caminhada.

Os zippers se deslizam com suavidade e precisão, mesmo estando próximo ao  limite de carga.

Entretanto sendo uma mochila pensada para ser utilizada por um ciclista decepciona, especialmente quando causa desequilíbrio e limita os movimentos da pessoa.

Fica a esperança de uma revisão completa pelo fabricante e sua equipe de designers na mochila, que está muito aquém da qualidade apresentada em outros produtos da marca.M10

 

Argentina de nascimento e brasileira de coração, é apaixonada pela Patagônia e Serra da Mantiqueira.
Entusiasta de escalada, trekking e camping.
Tem como formação e profissão designer de produto e desenvolve produtos para esportes de natureza.

There are 2 comments

  1. Pedro Horto

    Luciano,

    Ainda que discorde completamente da opinião sobre esse produto, respeito o direito que vcs tem em não gostar dessa mochila. Minha esposa tem uma 26 sl e eu uma TransAlpine 30 e sinceramente vai demorar inventarem uma mochila melhor… mas enfim, não foi a opinião de quem fez o teste.

    Mas me permita como jornalista levantar dois pontos:

    Vcs retiraram todas os comentários postados pelos seus leitores e/ou consumidores dessa mochila… isso é muito triste, pois em um momento em que se fala de várias pequenas tentativas de censura (em todas as esferas), ver censura em um blog de escalada é duro. Como jornalista isso me atinge ainda mais.

    e por fim: Um produto ser anunciado com determinada característica e entregar outra é crime ao consumidor, portando esse post foi leviano ao ACHAR que essa mochila não tem a capacidade que anuncia ter. Leviano e irresponsável, pois está acusando uma empresa que – se fosse dar atenção a isso – poderia inclusive acionar vcs judicialmente.

    A internet é maravilhosa, um território livre, porém é preciso responsabilidade para não denegrir pessoas/empresas de forma gratuita.

    abs

    Pedro Horto

    1. Luciano Fernandes

      Pedro

      Estou no meu trabalho, e parei somente para responder o seu e os outros comentários

      Vamos por partes :

      Nós não retiramos os comentários como disse.

      Houve um erro do plugin do Facebook no site.

      O erro aconteceu por um motivo que nao tivemos tempo de detectar.

      Se reparar com cuidado na página de qualquer artigo encontrará espaço para comentários.

      Uma decisão MINHA para facilitar o envio de comentáios instalei um plugin do facebook.

      Ainda nao consegui unir aos comentários normais da plataforma por conta do código complexo do aplicativo.

      TODOS comentários diretos no site são respondidos por mim.

      O que, diga-se, faço sempre e a mais de 8 anos que é a idade do site.

      Este erro eliminou também tanto os comentários desfavoráveis como os mais de 80 likes que tinha o artigo.

      O que para o site é ruim, porque prejudica a busca no facebook.

      Nunca em sã consciência daria um tiro no pé

      O que suspeito é que esta “TROLAGEM” injustificada que sofremos hoje a quase uma semana DEPOIS de publicado o texto pode ter provocado algo.

      Toda a trolagem por conta de uma simples avaliação de uma mochila que não nos agradou.

      Todos são livres a comentar no site.

      Porém ninguém é livre para me “TROLAR” e aí ´é que entra uma pequena diferença que deveria saber entre censura com um “talk to the hand”

      Eu iria chegar em casa e responder UM a UM sobre nossa avaliação, porém tenho de fazer esta resposta sua que levanta ofensas injustificadas à minha esposa e à mim.

      Da mesma maneira que você nao gostaria de que eu ofendese a sua esposa nao gostei de voce ofender a minha.

      Nao achei divertido nem você, nem o bando de ofensas que despejaram à minha esposa.

      Peço educamente que : Por favor não conheço você, e acredito que não conheça a minha esposa. Assim como não conheço a sua. Por isso nunca escreveria a ela chamando-a de leviana.

      Pois então uma explicação : Caso não saiba o site não é público, ele pertence a mim e à minha esposa.

      Se acharmos que alguém está abusando da distância da internet para dizer algo que DIFICILMENTE teria a coragem de falar na minha frente, tenho sim TODO o direito de apagar o comentário.

      Esta é a linha de pensamento do site, e um direito nosso é e sempre será filtrar o que achamos desnecessários.

      Censura meu caro Pedro, quem aplica é governo, o que eu aplico é filtro de trolagem.

      Especialmente quando o objetivo do comentário é ofender a minha esposa, o que segundo relatado por ela estava acontecendo.

      E isso é inadimissível.

      Eu sou o editor de todo e qualquer assunto do site.

      Se eu achar que um item não é interessante a publicar, o faço sem problema.

      Isso porque é FILTRO, não é censura.

      Não confunda também censura com erro.

      Caso você não saiba o site é administrado por uma equipe de pessoas.

      Cada uma delas se preocupa com todo e qualquer artigo escrito aqui.

      A preocupação sua com a existência dos comentários também não procede : se reparasse, os comentários ainda estão no Facebook onde quer que ele foi publicado.

      O facebook nao elimina os comentários, continua existindo no banco de dados de cada “comentador”.

      Tanto que para comentar no site tanto criticas e sugestões deixo rolar desde que mantenham o nivel.

      Sou obrigado por lei moderar todos os comentários do site (lei que regulamenta blogs e revistas eletrônicas)

      Entretando eu não fui leviano.

      Não confunda ser leviano com emitir opinião sobre um produto que avaliamos detalhadamante.

      Tanto que houve notas altas e baixas de varios quesitos para a mochila.

      Uma mochila RUIM e INÙTIL seguramente NUNCA teria nota 3 de custo/benefício

      Nunca tivemos problemas em nenhum produto por expressar a opinião.

      Por levantar a possibilidade de termos sido leviano, significa que não leu o texto.

      Porque não acusamos de entregar, nem chamamos a mochila de inútil, nem afirmamos que quem compra o produto é idiota.

      Somos responsáveis sim pelo que escrevemos, porém não somos responsáveis pelo que as pessoas interpretam.

      Hoje além da equipe que mantém a Revista Blog de Escalada, há inúmeros outros colaboradores que são livres para emitir a sua opinião a respeito de um assunto.

      São vários assuntos como : yoga, treinamento, técnicas verticais, lugares, academias e etc.

      Seria leviano sim de minha parte se levantasse falsos fatos, o que não fiz em NENHUM post até hoje.

      Seria leviano eu dar as notas e não explicar os motivos de cada uma delas.

      TODOS os motivos das notas foram explicados com detalhes

      Minha esposa é designer de produto, trabalha na área, e participa de vários concursos de desgin a anos. Além do trabalho, também ajuda a administrar o site que temos o orgulho de dizer que é independente e tem opinião.

      Isso e ter de me aguentar dia a dia.

      Já participou de projetos que vão desde equipamentos outdoor até mesmo camisinhas.

      Poucas pessoas são tão gabaritadas para a análise de um equipamento FEMININO.

      Foi portanto ela quem testou e avaliou o produto, que, diga-se ,PAGUEI por ele.

      Foi inclusive um presente meu dado a ela, e ela mesmo quis fazer a avaliação.

      Seria, portanto, leviano como você diz, se ela roubasse a mochila, e ainda por cima comparado com outra marca ou produto somente para anúncio, o que não foi feito.

      Basta reler o texto para comprovar.

      Seria leviano, talvez, se ela utilizasse de ironia, alfinetadas e argumentos não embasados no uso que fez da mochila, ou utilizasse de argumentos superficiais e vazios como “maneiro”, “bonita”, “cor de mau gosto” o que não houve.

      Ela reportou tudo o que foi avaliado por ela.

      O teste foi feito com a seriedade de DIFICILMENTE você vê em sites e revistas no Brasil.

      Isso porque há sites por aí confundem fazer um anúncio com realizar avaliação, e sim procura agradar patrocinador e anunciante.

      Não é nosso caso nem nosso objetivo.

      Quando houver um publieditorial informaremos, para não sermos levianos.

      Como eu SEMPRE fiz com QUALQUER produto, filme, livro, evento, decisão política, atitutude anti-etica e etc emitimos a nossa opinião e não omitimos o que achamos necessário.

      Quanto a emitir a minha opinião : não existe nenhuma lei que me proíba de emitir a minha opinião sobre um produto que comprei e usei adequadamente.

      Sei que Leis existem, e por isso constantente consultamos nossos advogados (sim temos advogados para consultar) : sabemos que há uma lei que protege o meu direito de opinar de um produto que comprei e usei.

      Assim como protege você de fazer o mesmo quando queira.

      Caso eu fosse proibido reclamar de um produto ou emitir opinião sites como o reclame (http://www.reclameaqui.com.br) aqui estaria fora do ar.

      Uma coisa é clara e evidente : NUNCA Difamou a marca da mochila, o que mostra que não leu o artigo com atenção e racionalidade.

      Tanto é explícito no próprio texto que a marca possui produtos de primeira linha em todo o mundo, e que este modelo, na nossa opinião, está aquém do que ela possui na sua linha.

      Produto estar “aquém de outros produtos da empresa” nunca foi, e nunca será ofensa para ninguém.

      Muito provavelmente deve saber a diferença entre difamar e apontar defeitos.

      Difamar seria eu excessivamente me preocupar em exterminar a boa fama que tem a Deuter.

      O que em NENHUM momento foi feito

      Tanto que há outros produtos da marca no site que analisamos, e merecidamente ganhou boa avaliação.

      Há uma lista com nossas avaliações, todas publicando a nota.

      Se ela procurasse difamar seria dizer que a marca “não presta” ou coisas do gênero.

      O realizado foi uma avaliação de uma mochila (e não da marca), em que descrevemos como e onde usamos, o que achamos de pontos fortes, pontos fracos, apontamos o que deve melhorar sem passionalidade.

      Se a marca for realmente madura e séria, fará como um bom aluno que tira nota baixa : vai para casa, e estuda para melhorar na proxima avaliação.

      Todos os detalhes menos técnicos estão abaixo do item OPINIAO

      Quanto à possibilidade da marca me processar, peço por favor que ela vá em frente.

      Será extremamente “benéfico” para a imagem da empresa, em todo o mundo, processar uma pessoa que emitiu a sua opinião sobre um produto que na minha opinião, repito :está aquém da qualidade que a empresa possui.

      Como afirmei a TODOS que escreveram ao site : Parabéns por gostarem da mochila, porém na minha opinião não me agradou, e não será me ofendendo ou ofendendo minha esposa que mudarão a minha ideia.

      Mesmo sendo trolada no dia de hoje, não nos sentimos intimidados a continuar o trabalho que fazemos em que NINGUÈM faz igual no país.

      Muito me espanta também que TODOS que estão TROLANDO à vontade não perderam o mesmo tempo quando elogiei outros produtos que a Deuter foi avaliada.

      Outros produtos de outras marcas tiraram “nota baixa” igualmente, e não houve esta trolagem pela qual minha esposa passsou hoje.

      O que é inaceitável, e quando sua esposa passar pelo mesmo, da mesma maneira INJUSTA diga-se, saberá na pele o que sinto hoje.

      Já realizamos mais de 100 avaliações, e levamos à serio esta tarefa e determinação de fazer.

      Por isso temos hoje o reconhecimento até mesmo das marcas que nos pediram para avaliar o nosso trabalho.

      Não será pela trolagem de hoje, nem de outras que sofremos que iremos desanimar com o trabalho.

      Considero o assunto encerrado.

      Peço que não ofenda mais minha esposa, porque assim como preza pela sua esposa prezo pela minha.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.