Dupla de empresárias criam loja para vender produtos e modelos para mulheres outdoor modernas

Por que todo produto feito para mulher tinha de ser ou rosa ou stretch ? A dupla de empresárias americanas Jainee Dial e Lindsey Elliot, que também são grande entusiastas de esportes outdoor, sempre fizeram esta pergunta.

Muito provavelmente qualquer mulher já fez alguma vez na sua vida o mesmo questionamento.

Observando que a mentalidade, e preferências de moda, está mudando em grande parte das mulheres, Dial e Elliot juntaram forças para criar uma loja virtual especializada em vender roupas e produtos paras as praticantes que quisessem algo mais diferente do que é usualmente oferecido pelas grandes lojas.

Foto: http://www.wyldergoods.com/

Foto: http://www.wyldergoods.com/

O primeiro passo da dupla foi elaborar um projeto, que demorou dois anos para sair do papel, e criaram um projeto em um site de crowdfunding para a criação de uma plataforma de vendas chamada Wylder.

O diferencial desta plataforma de vendas era comercializar produtos outdoor para (e feito por) mulheres. O objetivo principal é obter uma variedade de produtos que não tivessem somente o rosa, mas também outras tonalidades, e modelos, que normalmente não são comercializados por marcas e grandes lojas.

A dupla de empresárias deixa claro que o objetivo é atender a uma demanda reprimida de estilo de roupas que não existe no mercado, e não especificamente criar um “clube da luluzinha” de vendas.

Foto: http://www.wyldergoods.com/

Foto: http://www.wyldergoods.com/

O projeto teve boa aceitação do público, e embora estivesse pleiteando o montante US$45.000, arrecadou quase 20% a mais do que planejavam (mais precisamente US$54.283). Consequentemente causou certo ruído no mercado outdoor.

Este ruído se justifica por ter a dupla de empresárias mostrado a várias empresas, agora concorrentes, que há um grande nicho não explorado por toda a indústria outdoor. Isso se deve ao fato de sempre se basearem em clichês históricos, como mulher gostar excessivamente da cor rosa, além de ausência de contato direto com o público alvo.

A inspiração para os modelos, que agora terão de fazer a curadoria, são mulheres como  Steph Davis, Katie Lee, Terry Tempest Williams, Lynn Hill, Kimi Werner e Ashima Shiraishi, que utilizam roupas fora do padrão estipulado pela indústria outdoor americana e ainda assim inspiram mais e mais meninas a praticarem esportes outdoor.

Jainee Dial e Lindsey Elliot visionam também conseguir com a Wylder fazer uma ponte entre o estilo urbano e o outdoor, sendo ao mesmo tempo funcional e elegante, inaugurando assim uma espécie de terceira via no que se refere a roupas e acessórios.

Foto: http://www.wyldergoods.com/

Foto: http://www.wyldergoods.com/

Para quem acha que a dupla de empresárias são apenas duas entusiastas que conseguiram uma bolada apenas com uma ideia original se engana, pois ambas possuem conhecimento para levar a empresa para alçar voos altos.

Jainee Dial é produtora de mídia digital a mais de 12 anos, com experiência em webdesign, produção de filmes.

Já Lindsey Elliott é advogada com foco em sustentabilidade e desenvolvimento estratégico, além de ter trabalhado grande parte de sua vida no terceiro setor.

Somente o tempo dirá se Wylder de fato irá impactar a produção, e venda, de roupas e produtos outdoor, mas de de concreto é visível que há uma demanda reprimida por produtos baseado em conceitos mais modernos e diferenciados do que os utilizados para a moda tradicional.

Para mais detalhes : http://www.wyldergoods.com

wylder-1

Argentina de nascimento e brasileira de coração, é apaixonada pela Patagônia e Serra da Mantiqueira.
Entusiasta de escalada, trekking e camping.
Tem como formação e profissão designer de produto e desenvolve produtos para esportes de natureza.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.