Clube Alpino Paulista anuncia datas e locais do novo curso de Autorresgate

Realizar um autorresgate não é somente escapar de uma situação de grande risco, mas sim avocar para si a responsabilidade de proteger dentro de um quadro realista si mesmo e seu parceiro de escalada. Por esta razão ter um curso de autorresgate implica dar um passo adiante na formação como montanhista e por isso mesmo aumentar sua responsabilidade na condução da escalada ou da expedição.

O escalador-resgatista deve possuir alto grau de compromisso com o socorro, devendo inclusive ter em mente que assumir riscos na condução das manobras de resgate será necessário. Outro aspecto importante é ter sempre como objetivo o treinamento, pois ao passo que o conteúdo do autorresgate é volumoso, sem prática a tendência é o esquecimento. Aqui vale o conceito da automação por repetição.

Objetivos

Foto: Breno Botelho

O curso de Autorresgate (CAR) tem por finalidade propiciar aos escaladores conhecimento básico de autorresgate, utilizando para isso baixa quantidade de equipamentos, valendo-se sobretudo de meios de fortuna.

Seu objetivo é aumentar as margens de segurança na prática da atividade de montanha e salvaguardar a integridade física própria ou de parceiro de cordada na atividade esportiva.

Material

Foto: www.internationalalpineguides.com

As apostilas serão fornecidas pelo Clube Alpino Paulista. Os organizadores do curso aproveitaram para avisar que, os equipamentos a cargo do aluno:

Equipamentos técnicos:

  • 1 anel de fita com 120 cm;
  • 1 freio atc guide ou equivalente, com 2 mosquetões ( mestre e bloqueador );
  • 1 uma polia simples;
  • 2 duas paradas completa;
  • 3 cordins (2 de 5-7mm, sendo um com 1,2 m e outro 1,5m ; 1 de 7-8 mm com 4m/6m);
  • 1 micro bloqueador;
  • 4 mosquetão sendo 2 HMS;
  • 6 costuras;
  • cadeirinha com auto seguro;
  • Capacete;
  • Fitas avulsas;
  • Mosquetões variados, sendo, pelo menos, um oval;
  • Sapatilha.

Equipamentos pessoais:

  • Vestimentas;
  • Kit de primeiros socorros;
  • Lanterna de cabeça;
  • Mochila;
  • Barraca;
  • Utensílio de cozinha para acampamento;
  • Saco de dormir;
  • Isolante;
  • Canivete;
  • Outros equipamentos/utensílios que o aluno julgue convenientes.

Requisitos

Idade mínima de 18 anos.

Estar guiando com tranquilidade vias de 4º grau de dificuldade, em escalada em rocha.

Ter o Curso Básico de Montanhismo (CBM) em 2017 ou anterior do Clube Alpino Paulista ou de entidade federada.

Observações importantes

Será aceito o pretendente que não tiver o CBM, mas apresentar conhecimento e prática equivalente (pretendente deverá apresentar currículo das vias escaladas). Estar em bom condicionamento físico.

Apresentar até o início da atividade prática atestado médico que assegure estar o proponente apto fisicamente para a atividade. Apresentar-se para o curso com todos os equipamentos solicitados na ficha de inscrição.

Ter curso de primeiros socorros (desejável).

Carga Horária

O curso possui carga horária de 40 h/aula, divididas em 3 aulas e 2 saídas, de acordo com o cronograma:

  • 17/out.: Palestra de apresentação.
  • 31/out: Aula teórica.
  • 7/nov.: Aula teórica.
  • 11 e 12/nov.: Aulas práticas.
  • 21/nov: Aula teórica.
  • 24 e 25/nov: Aulas práticas.

Investimento:

Sócios do CAP: R$ 470,00 (ou 3x R$170,00 )

Afiliados FEMESP: R$ 620,00 (ou 3x R$220)

Público geral: R$ 680,00 (ou 3x R$ 245,00)

Os leitores da Revista Blog de Escalada têm 50 R$ de desconto apresentando o cupom na hora da inscrição

Vagas

  • 8 vagas a serem preenchidas pela ordem de inscrição.*
  • * É obrigatória a presença na palestra de apresentação. O Candidato não presente será desclassificado.
  • Formulário de inscrição:

https://goo.gl/forms/BZt4Crz3KjDRezsk2

There is one comment

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.