Corpo de homem que desapareceu no Complexo do Pão de Açúcar é encontrado

Depois de uma semana de buscas, que mobilizou voluntários montanhistas e o Corpo de Bombeiros, o corpo do webdesigner Luiz Octávio Guinle foi encontrado no dia de ontem na Baía de Guanabara. O corpo de Luiz Octávio estava boiando próximo do Pão de Açúcar, entre os morros Pão de Açúcar e Cara de Cão com as roupas de corrida, mas sem qualquer equipamento.

O reconhecimento do corpo de Luiz Octávio Guinle foi feito pela família, que confirmou a identidade após identificar tatuagens e características físicas.

Luiz Octávio não era escalador, mas segundo relatos da família à imprensa local, recentemente realizou uma trilha ao Corcovado, que despertou grande interesse de Guinle. Um irmão de Luiz Octávio já praticava escalada. De acordo com a família, Guinle era ótimo nadador e praticante ocasional de mergulho. A família acredita que Luiz Octávio tenha escorregado na pista e caído desmaiado ao chocar-se com a água.

Luiz Octávio Guinle era pai de dois filhos, além de padrasto do filho da atual mulher. Luiz Octávio será enterrado hoje no mausoléu da família, no Cemitério São João Batista, localizado na na zona sul do Rio de Janeiro.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.