Conserto e manutenção de barracas: Aprenda resolver os problemas mais comuns

Os provérbios ou ditados populares se baseiam no senso comum de determinados meios culturais. No universo de atividades de natureza não poderia ser diferente. Um dos ditados que todo praticante deveria aprender é “quer fazer Deus rir? Então conte seus a Ele seus planos”. Imprevistos acontecem o tempo todo, mesmo estando altamente preparado.

O que dizer então da barraca de camping? Este equipamento é dos que mais apresentam pequenos problemas que, às vezes, no meio do nada temos de saber como contornar o imprevisto. Obviamente que investir em um produto de má qualidade alguém está “pedindo” para enfrentar problemas com mais frequência.

Conserto barraca

Foto: https://www.winfieldsoutdoors.co.uk

Mas até mesmo quem investiu um valor significativo em uma barraca de quatro estações, com todos os materiais de última geração, está suscetível a acontecer algum imprevisto. Isso porque todo praticante de atividades de natureza, deve ser paranoico com relação à Lei de Murphy (que se algo pode dar errado, dará!). Por isso, especialmente em atividades outdoor, há quem já estendeu esta lei para “se algo pode dar errado, dará da pior maneira, do pior jeito, no pior momento e lugar”.

Para algumas emergências comuns de sua barraca, como zíper encravar, furos no piso e até mesmo quebra das varetas, há pequenos consertos que podem ser feitos no melhor estilo McGyver.

Varetas quebradas

Conserto barraca

Nas barracas de camping existem dois tipos de varetas: fibra de vidro e alumínio. Apesar de serem mais leves, as de fibra de vidro são mais frágeis possui pouca longevidade. Já as varetas de barracas de alumínio, são mais resistentes, mas também mais pesadas (além de mais caras). A escolha de uma ou outra vareta da barraca, depende de que tipo de camping deva realizar.

Atualmente no Brasil, há muitas lojas que vendem separadamente varetas de barraca. Por isso, sempre faça uma inspeção no seu equipamento antes de viajar. Se verificar algum sinal de desgaste e até mesmo iminência de rompimento, não arrisque: compre uma vareta nova. Para varetas de alumínio é um pouco mais difícil encontrar a compra, mas na Argentina e EUA já comercializam este tipo de equipamento em separado.

Há ainda quem arrisca procurar por um tubo de alumínio da mesma bitola que o da barraca, fazendo ele mesmo a substituição das varetas. No Brasil há poucas empresas que comercializam não somente a vareta, mas também os encaixes.

Conserto barraca

À esqueda a famosa “silver tape”, à direita a fita emborrachada

Caso descubra que sua vareta de barraca está próximo de quebrar, pode ser feito um reforço com fita tipo “silver tape” (conhecidas nos EUA como Duck Tape). Este produto é feito de polietileno e tecido de algodão com cola de forte aderência. Algumas marcas, entretanto, fabricam o produto com uma aderência (cola) de baixa qualidade. Já nos EUA, o produto é vendido em várias cores e, inclusive, transparente.

Há também no mercado algumas fitas emborrachadas, ultra resistentes e com uma cola ultra aderente se servem para este reforço. No Brasil já é possível comprar a fita emborracha A grande vantagem deste produto, além da qualidade da cola, está na propriedade de ser impermeável. Este tipo de qualidade é bastante atraente para quem pratica atividades outdoor. A fita chama-se “flex tape”, podendo ser encomendada pela internet. Da mesma maneira que nos EUA, este produto vem em diversos tamanhos.

Apenas use uma parte destas fitas para uma volta nas extremidades de encaixe. Infelizmente este conserto apenas serve como paliativo, pois por menor que seja a fita colocada na extremidade, a flexibilidade da vareta da barraca é comprometida.

Há quem recomende o uso de esparadrapo para este tipo de reparo. Mas este tipo de solução acaba sendo um erro, pois fitas de esparadrapo não possuem a resistência que as fitas “silver tape”, nem as emborrachadas, citadas no parágrafo anterior.

Conserto barraca

O campista mais experiente sempre carrega consigo um “emergency tube” (também chamado de “pole tent repair”). Este equipamento é uma espécie de tubo, mais grosso que a vareta, que envolve o encaixe da vareta da barraca ou mesmo o local danificado. Assim que colocado sobre a parte danificada da vareta, deve ser colocada uma fita adesiva (como as citadas) para prevenir que o tubo corra.

Como o próprio nome do produto deixa explícito, deve ser usado em uma situação de emergência. Após o seu uso, o dono do equipamento deve procurar substituir a vareta da barraca.

Ziper

Conserto barraca

O zíper (conhecido como fecho-éclair) é dos equipamentos que mais apresentam problemas no momento errado. Por isso devem ser sempre manuseados com muito carinho e cuidado. A corrente ou chain (conjunto de “dentinhos”) do zíper, especialmente os que são curvos, tendem sempre a apresentarem desgaste com o tempo, prejudicando o corrimento do “cursor” (tamém conhecido como carrinho ou carrilho).

Para quem acampa em regiões mais áridas, como Piedra Parada na Argentina, Valle de Los Cóndores e Deserto do Atacama no Chile, sabe como os grãos finos de poeira estragam o zíper da barraca.

Antes de sair de viagem, sempre que possível, utilize uma escova de dente com cerdas macias para ir escovando a corrente do zíper. Esta escovação deve ser mantida a cada dois dias, caso visite um lugar muito árido. Uma outra técnica é passar uma vela de parafina (ou mesmo parafina de pranchas de surf) na corrente do zíper. Isso mantém a lubrificação e um deslize suave para o cursor do zíper. Este tipo de técnica, também funciona para zíper de saco de dormir e jaquetas.

Para barracas que são usadas muito em região litorânea, no momento de usar a escova de cerdas macias, colocar um pouco de vinagre para retirar o excesso de sal.

Conserto barraca

Evite, se possível, colocar algum tipo de óleo. Especialmente se estiver em um lugar com poeira excessiva. Isso porque a superfície oleosa de um zíper irá acumular facilmente os grãos. Este acúmulo irá fazer com que o zíper estrague até mesmo mais rápido.

Trocar o zíper de uma barraca é uma tarefa ingrata, sendo poucas empresas que fazem este tipo de serviço. Logo após a troca do zíper, o proprietário deve também reforçar o selamento das costuras do novo zíper. Há alguns estabelecimentos especializados em sapataria que fazem este tipo de serviço, apesar de não ser sua expertise. Realizar este tipo de serviço pode comprometer por completo a barraca.

Caso o zíper da sua barraca se rompeu por completo, uma técnica simples de “arrumar” (ao menos para o pernoite) é colocar vários alfinetes de dama (conhecido como alfinete de fralda pequeno ou alfinete de segurança) cada 15 cm de distância um do outro, preso no próprio corpo do zíper. Ao menos para a noite irá funcionar.

Importante lembrar que este tipo de “adequação técnica”, não irá fazer milagres. Ele serve apenas em casos extremos e, caso haja muito vento, pode não funcionar pois o alfinete de dama não possui uma resistência mecânica grande.

Furos

Conserto barraca

Sua barraca furou ou rasgou, especialmente no piso, e você não quer trocar seu equipamento todo por conta de um furinho ou rasguinho? A técnica mais simples é colocar uma fita adesiva no buraco ou rasgo. As fitas do tipo “silver tape” ou alguma fita emborrachada ultra adesiva são perfeitas para isso.

Muitos acreditam que é apenas colar a vira e sair usando. Na realidade não é bem assim. Para fechar pequenos furos e rasgos, é necessário cortar a fita em forma circular em um tamanho pouco maior que o buraco. Caso não seja possível, ao menos deve-se cortar as pontas do retângulo, para que ele as arestas fiquem abauladas.

Com a forma circular, as forças de tração da superfície são distribuídas uniformemente. Matematicamente falando, o círculo é a superfície de maior perímetro e menor área dentre as formas planas.

Conserto barraca

A aplicação desta fita, a superfície deve estar inteiramente limpa, seca e esticada. Preferencialmente, corte dois pedaços de fita do mesmo tamanho, aplicando-os tanto do lado de fora quanto do lado de dentro da barraca onde encontra-se o furo.

No mercado há ainda diversos fabricantes de patch para pequenos remendos de barracas. Na verdade são fitas adesivas já cortadas e com cores e texturas muito parecidas com as já existentes na barracas. Estes remendos possuem cola com cola eficiente, além de já vir no formato circular. O objetivo deles funcionar para a barraca, o mais parecido possível com o que o band-aid faz para cortes na pele.

Costuras

Conserto barraca

A preocupação com a selagem das costuras de uma barraca tem um motivo até simples: Em um camping em lugar muito frio, ou mesmo sob uma chuva torrencial, os furos das costuras permitem a entrada tanto de ar quanto de água.

O selador das costuras de uma barraca é um líquido chamado propriamente de “Selador de Costuras” (seam sealer). No mercado existem diversas composições para os seladores de costura: Poliuretano, Poliuretano Aquoso e selagem à base de água. No Brasil é comercializado uma resina selante especial para poliéster e poliamida, que são os tipos mais comuns de barraca.

A aplicação do selador de costuras é relativamente fácil. A mecânica da aplicação é muito parecida com a pintura de unhas, comumente usada por manicures em salões de beleza.

À primeira vista o frasco do selador de costuras se assemelha muito ao de um vidro de esmalte para as unhas. O selador de costuras é comercializado em pequenos frascos de aproximadamente 55 gramas e com uma pequena espátula ou pincel para a aplicação.

Mofo

Conserto barraca

Qualquer tipo de tecido, quando guardado molhado, há o aparecimento de fungos, conhecido como mofo ou bolor. Além do mofo, germes e bactéria podem crescer rapidamente em roupas úmidas. Barracas que são guardadas molhadas também correm o risco de aparecer mofo, prejudicando não somente o tecido, mas também afetar a saúde de quem a utilizar posteriormente. A mesma regra se aplica a jaquetas de chuva e sacos de dormir.

Para tirar o excesso de mofo, e evitar o cheiro característico, retire a barraca da bolsa de armazenagem e a monte como normalmente em local seco. Aproveite para varrer o interior para retirar sujeira e, preferencialmente passe um aspirador de pó em seu interior. Com o aspirador de pó aproveite para também limpar o interior da bolsa de armazenamento.

Em um balde, misture uma xícara (considere que uma xícara seja aproximadamente 200 ml de capacidade) de água sanitária com seis de água. Coloque duas a cinco gotas de detergente. Caso não queira utilizar água sanitária, misture meia xícara de desinfetante em quatro litros de água.

  • Opção 1
    • 1 xícara de água sanitária
    • 6 xícaras de água
    • 2 gotas de detergente
  • Opção 2
    • 1/2 xícara de desinfetante
    • 4 litros de água
  • Opção 3
    • 1 xícara de cloro
    • 6 xícaras de água

Conserto barraca

Antes de utilizar o líquido, use uma esponja de cozinha para retirar o excesso de mofo. Esfregue a esponja em movimentos circulares (similar ao Karatê Kid). Após retirar o excesso, esfregue a esponja embebida com o líquido preparado, com os mesmos movimentos circulares usados para retirar o excesso de mofo.

Com um pano molhado apenas em água, retire o excesso do líquido utilizado para a limpeza. Após a retirada do excesso, deixe a barraca secar em local fresco e, preferencialmente, à sombra. Após a secagem, repita a operação com o pano molhado, para retirar resíduos de produto químico.

Um dos segredos para se livrar também do cheiro, deixe um pedaço de carvão ou um galho de goiabeira. Eles irão absorver o odor que estiver dentro da barraca. Como opção, use um borrifador com água, uma xícara de vinagre de vinho branco e uma colher de chá de bicarbonato de sódio.

Como a água sanitária é um produto químico muito forte, recomenda-se que após a aplicação do líquido tirador de mofos e a barraca seca, um spray impermeabilizante. Este spray impermeabilizaste é vendido nas melhores lojas de produtos outdoor.

Argentina de nascimento e brasileira de coração, é apaixonada pela Patagônia e Serra da Mantiqueira.
Entusiasta de escalada, trekking e camping.
Tem como formação e profissão designer de produto e desenvolve produtos para esportes de natureza.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.