Conheça o Gaia Natura: O projeto fotografico de nu artístico em trilhas no interior de Minas Gerais

Uma das ramificações dos estilos de fotografia é o nu artístico. O objetivo principal deste tipo de linguagem visual é trabalhar a composição fotográfica e outros elementos artísticos da fotografia. Entretanto, como algumas pessoas possuem preconceito com o corpo humano, sob qualquer forma, acabam por torcer o nariz com qualquer projeto desta espécie e desmerecer o estilo.

O universo outdoor parece convidar a fotógrafos e modelos a buscar explorar este estilo de fotografia. Um exemplo de sucesso, o qual foi divulgado com exclusividade em 2016 pela Revista Blog de Escalada, é o trabalho da fotógrafa mineira Jô Magalhães. Em seu projeto apenas escaladoras foram o alvo de suas lentes. O sucesso foi instantâneo e, como não poderia ser diferente, teve vários desdobramentos. Nos EUA o fotógrafo Tyler Shields, com seu projeto Sirens, também abordou o tema sob uma nova ótima e virou referência.

Juliano Rodrigues

Agora chegou a vez do fotógrafo mineiro Juliano Rodrigues explorar o nu artístico, desta vez em trilhas e caminhos no interior de Minas Gerais. Desde 2016 o fotógrafo colocou em prática uma ideia que tinha:  realizar um ensaio sensual e nu em alguma estrada de Minas Gerais. A inspiração veio de trabalhos que acompanhou no mesmo estilo  em estradas de outros estados e países. Rodrigues sentia falta de também homenagear o estado que mora. Assim nasceu o Gaia Natura.

Junto com um amigo, também fotógrafo, procurou modelos e localidades que encaixariam no seu projeto. Inicialmente convidou três modelos as quais tinha trabalhado anteriormente. Para sua surpresa as garotas toparam rapidamente e sem pensar muito. O local escolhido era a Serra do Cipó e a estrada do caminho de Belo Horizonte para Lapinha da Serra. Logo após o ensaio postou os resultados em redes sociais obtendo um retorno acima do esperado. Recebeu à época muitos elogios e parabenizações pela inciativa e ideia.

Como se fosse um alinhamento de planetas, logo após este ensaio, foi procurado por mais modelos interessadas em realizar o mesmo tipo de trabalho. Vislumbrando a oportunidade de consolidar um projeto autoral, criou um perfil no Instagram. Pela qualidade de seus trabalhos postados na rede social cada vez mais modelos o procurou para participar do projeto, grande parte com experiência no que ele mesmo chama de “ensaio sensual”.

Foto: Juliano Rodrigues

O próprio Juliano Rodrigues declara que suas modelos “São modelos corajosas e com total disposição pois, além de ficarem nuas em locais externos, passam também por adrenalina como trilhas, automóveis passando pelas estradas no momento das fotos e muito mais”. Para quem estiver interessado em participar do projeto, mas tiver algum receio, Juliano avisa que o projeto Gaia Natura não possui padrão de beleza e o fotógrafo também detalha que as sessões variam muito. Algumas possuem quatro pessoas participando, outras são realizadas com apenas uma. A disposição é o principal requisito.

O fotógrafo tem ficado cada vez mais surpreendido pela procura e aceitação do público. O artista sabe que trabalhar com nu sempre está em linha tênue entre aceitação e polêmica. Mas com a receptividade que vem obtendo, afirma que “me motiva cada vez mais a continuar a minha jornada com o projeto e meu trabalho”. Ao falar mais sobre o projeto Gaia Natura, Juliano Rodrigues afirma que sempre admirou a fotografa sensual e nu, a natureza e o estado de Minas Gerais. E o seu projeto é a união de todos estes elementos.

Foto: Juliano Rodrigues

Desde a criação do projeto Gaia Natura, que faz um ano esta semana, foram realizados nove ensaios e já posaram para suas lentes um total de 17 modelos. Dentro de seu projeto os locais visitados foram: Serra do Cipó/Lapinha da Serra, Rio Acima, Nova Lima, Ipoema, Lagoa Santa, Catas Altas, Jaboticatubas, Nova Lima e Rio Acima. Todas localidades no estado de Minas Gerais.

O nome do projeto, Gaia Natura, vêm de uma sugestão de seu amigo Vinny Gomes que escolhei palavras do Latim: Gaia (Deusa da Terra) para representar as modelos e Natura (Natureza) para simbolizar a natureza.

Quando perguntado sobre planos futuros Juliano Rodrigues afirma que “Espero continuar por muito tempo com o projeto e tendo mais contato  modelos para a realização de novos ensaios”.

Para saber mais sobre o projeto: https://www.instagram.com

Foto: Juliano Rodrigues

Foto: Juliano Rodrigues

 

Engenheiro e Analista de Sistemas, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha e Argentina. É totalmente dedicado ao esporte de escalada em rocha e é apaixonado em filmes Outdoor. Para aproveitar melhor esta paixão fez curso de documentário na Escola São Paulo, além dos cursos de “Linguagem Cinematográfica” e “Crítica de cinema”. Foi jurado do Rio Mountain Festival. Já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Espanha, Uruguai e Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.