Buscas pelos montanhistas brasileiros desaparecidos no Fitz Roy podem ser retomadas amanhã

Desde o último final de semana, os brasileiros Leandro Ianotta e Fabrício Amaral estão desaparecidos no Fitz Roy. No início da semana, a coordenadora de operações de resgate da Comisión de Auxilio de El Chaltén, Carolina Codó, optou por suspender temporariamente as buscas. Codó alegou que o mau tempo que fazia na região do Fitz Roy impossibilitava a busca pela dupla. Além disso, insistir na busca de Inotta e Amaral com o mau tempo, também colocaria em risco a vida dos resgatistas.

A preocupação com a integridade da equipe de resgatistas, se deve muito pelo acidente que aconteceu com um membro da equipe. O resgatista, de nacionalidade espanhola, sofreu uma queda e teve fratura em vários ossos, tendo de ser transportado para o hospital da cidade de El Calafate que fica 223 km de distância.

Após contato da redação da Revista Blog de Escalada, Carolina Codó nos informou que o tempo tende a firmar-se amanhã na região do Fitz Roy. Esta perspectiva otimista pode concretizar-se na retomada nas buscas pelos dois brasileiros. No momento as buscas estão temporariamente suspensas.

Assim que for confirmado o bom tempo, um helicóptero será utilizado nas buscas. Ao contrário do que vem sendo difundido em redes sociais, ambos os escaladores não foram declarados mortos. Ambos os montanhistas estão considerados pelas equipes e autoridades locais como desaparecidos.

Como pode ser ouvido no áudio enviado por Carolina Codó (escute o áudio acima), na região do Fitz Roy, que fica a aproximadamente 12 km de El Chaltén, o tempo continua ruim e instável, impossibilitando operações de busca e resgate. Entretanto, por volta dos dias 25 ou 26 (sexta-feira e sábado, respectivamente), quando o tempo firmar, as operações de resgates talvez sejam retomadas. Com condições climáticas favoráveis, o helicóptero de gendarmeria (o equivalente da Polícia Militar na Argentina) irá ajudar no resgate. De acordo com Codó, os ventos fortes que fizeram na região, impossibilitou o pouso do helicóptero em El Chaltén.

Portanto, a Comisión de Auxilio de El Chaltén esperará até sexta-feira ou sábado para retomar as buscas com o auxílio do helicóptero. A coordenadora de operações acredita que desta maneira seja possível localizar os dois montanhistas.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.