Avaliação saco de dormir Viper – Nautika

O saco de dormir Viper da marca Nautika é um produto destinado a campistas que realizam atividades em locais com temperatura média mínima até 10ºC (sendo a sua temperatura de conforto 12ºC)

Tem como forração fibras ocas de silicone e algodão sintético (polycotton), possui o modelo mummy (múmia).

O Teste

O saco de dormir foi usado em situações semelhantes às destinadas a ele, tomando o cuidado de não utilizar em situações de temperaturas extremas.

O produto foi utilizado em campings em Lagoa Santa-MG, durante o período de primavera.

SacoViper2

Durante o camping houve chuva fraca e garoa, porém a temperatura média ambiente não ultrapassou os 15ºC.

Foi utilizado ainda sobre colchões em abrigos de montanha e albergues.

Em nenhuma ocasião o saco de dormir foi utilizado sem o uso de isolantes térmicos de qualidade.

O saco de dormir foi transportado em mochilas cargueiras de 50 litros, não tendo nenhum tratamento diferenciado de outros equipamentos de camping.

Durante a noite de sono foi utilizado somente roupas comuns (camiseta e calça de tactel), não sendo necessário nenhum uso de casaco ou fleece adicional.

Prós

  • Preço
  • Rendimento em temperaturas amenas
  • Vedação

Contras

  • Peso
  • Ziper na altura dos pés
  • Ausência de compressor
  • Acabamento

Notas

  • Qualidade de Material: 3,0  
  • Acabamento: 2,5 
  • Design: 3,0  
  • Ergonomia: 3,5  
  • Facilidade de Limpeza: 3,5  
  • Relação Peso x volume: 3,0  
  • Relação custo x benefício: 3,0 
  • Nota Final: 3,07   

Opinião

SacoViper4

O saco de dormir modelo Viper da marca Nautika teve bom rendimento durante os testes, especialmente quando houve uma queda de temperatura brusca durante a noite.

Pelas suas especificações técnicas não é um saco de dormir indicado para ir a lugares com frio intenso como Patagônia ou expedições de alta montanha, porém é uma boa escolha para quem pretende ir acampar em praias ou alguma viagem de pescaria.

Um fator que nos chamou a atenção foi a falta de compressores de saco de dormir, tornando um pouco incomoda o ato de arrumar a mochila devido ao espaço ocupado pelo saco de dormir.

SacoViper3

Um outro ponto que poderia ser revisto pelo fabricante é a respirabilidade do produto, pois causa uma sensação de desconforto caso esteja vedado por toda a noite.

A extensão do zíper na região dos pés também merece uma observação, já que seu alcança vai até a altura do meio da canela, sendo um pouco incômodo no momento de sair do saco de dormir.

Ou outro ponto que chamou atenção foi o acabamento levemente deficiente das terminações, entretanto não foi possível afirmar se é uma característica da marca, ou se foi apenas no produto testado.

Para um campista que irá enfrentar temperaturas amenas, mas que não seja de frio intenso é uma boa opção, especialmente pela sua possibilidade de uso em albergues e acampamentos durante o verão.

SacoViper6

SacoViper1

.Banner_Pesca_Blog

Formado em Engenharia Civil e Ciências da Computação, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha, Argentina e Chile. Foi jurado do Rio Mountain Festival e já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Chile, Espanha, Uruguai, Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá. Realizou o Caminho de Santiago, percorrendo seus 777 km em 28 dias.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.