Avaliação Calça Forclaz 100 – Quechua

Calça_Quechua4A calça masculina para caminhadas em montanha modelo Forclaz 100 da marca francesa Quechua tem como objetivo oferecer conforto ao praticante de atividades de natureza em clima temperado a ameno.

Segundo o seu fabricante possui como características proporcionar todo o conforto necessário durante uma caminhada em montanha.

O Teste

Calça_Quechua5A calça Forclaz 100 foi intensamente testada nas mais diversas situações de montanha possíveis para um produto outdoor.

O equipamento foi testado em escaladas em rocha na Serra da Mantiqueira no estado de São Paulo em granito com vias que n]ao ultrapassavam 30 metros de altura.

O produto foi ainda testado em duas escaladas tradicionais na Pedra da Ana Chata em São Bento do Sapucaí.

Foi utilizada também em trekkings de média e alta dificuldade na Serra da Mantiqueira, Parque da Serra do Mar, Serra do Cipó e Parque do Sumidouro.

A calça foi utilizada ainda em dois treinos de Crossfit para averiguação do fator de evaporação do suor em uma situação extrema de calor.

Foi testada em duas corridas de 7 km em parques urbanos na cidade de São Paulo com temperatura de 25 a 28ºC, sendo uma à noite e outra durante o dia.

Foi utilizada em escaladas na Lapa do Seu Antão em MG em duas ocasiões em vias com agarras e buracos proeminentes.

O produto foi utilizado ainda em duas ocasiões durante a noite em saco de dormir durante um camping selvagem.

Prós

  • Corte
  • Resistência à abrasão
  • Respirabilidade
  • Preço

Contras

  • Barras sem zíper ou abertura para Botas
  • Quantidade de bolsos na parte de trás
  • Disponibilidade de cores

Notas

  • Qualidade de Material: 4,0 
  • Acabamento: 3,5 
  • Design: 3,0  
  • Ergonomia: 4,0  
  • Facilidade de Limpeza: 4,0  
  • Relação Peso x volume: 4,0  
  • Relação custo x benefício: 4,5 
  • Nota Final: 3,83   

Opinião

Calça_Quechua6A calça masculina Forclaz 100 da marca Quechua agradou bastante durante os testes .

Mesmo com uma aparência, e corte, simples e sem firulas, o caimento da calça é satisfatório, dando conforto e mobilidade a quem a veste.

Sua respirabilidade é satisfatória não causando empapamento do equipamento nem quando há um calor e sudorese acima do normal.

Um item que nos chamou a atenção positivamente é a resistência à abrasão, especialmente em escaladas esportivas, pois mesmo não tendo reforço de tecido mais resistente não danificou-se com facilidade.

Calça_Quechua3Um item que poderia ser revisto pelo fabricante é a questão das barras das calças não possuírem zíper ou botões para que seja ampliada para o uso em uma bota.

Poderia ainda conter alguma maneira de que pudesse manter a barra dobrada no caso de um calor intenso.

Por ser uma calça básica não possui muita resistência ao vento, mas teve comportamento satisfatório com mudanças bruscas de temperatura.

Durante as noites dormidas em saco de dormir agradou pelo conforto oferecido.

A calça não é indicada para expedições de alta montanha, nem para trekkings que irão enfrentar temperaturas abaixo de 5º, mas é altamente recomendada para qualquer tipo de trekking acima desta temperatura.

Calça_Quechua7Calça_Quechua1Calça_Quechua7

Formado em Engenharia Civil e Ciências da Computação, começou a escalar em 2001 e escalou no Brasil, Áustria, EUA, Espanha, Argentina e Chile. Foi jurado do Rio Mountain Festival e já viajou de mochilão pelo Brasil, EUA, Áustria, República Tcheca, República Eslovaca, Hungria, Eslovênia, Itália, Argentina, Chile, Espanha, Uruguai, Paraguai, Holanda, Alemanha e Canadá. Realizou o Caminho de Santiago, percorrendo seus 777 km em 28 dias.

Comente agora direto conosco

Comment moderation is enabled. Your comment may take some time to appear.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.